Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Memórias de Varginha: Cine Rio Branco

agosto 20th, 2010 · 46 Comentários

Estive no Cine Rio Branco. A emoção, como não podia deixar de ser, foi imensa. Lá dentro a impressão que tive foi que o tempo congelou. Parece que de repente as pessoas pararam o que estavam fazendo e foram embora. Os projetores Simplex no mesmo lugar, muitos rolos de filmes nos armários, os balcões de balas, os tapetes, as cortinas, as velhas poltronas, jornais e folhetos da época e as fotografias dos artistas. Veja aí as fotos da Jennifer Jones e do Gregory Peck, estrelas máximas da 20th Century Fox, intactas e no mesmo lugar desde a inauguração em agosto de 1956. 54 anos! E o mais incrível de tudo é um transformador de energia dentro da subestação de força, ao lado da cabine de projeção… ligado na rede da Cemig e funcionando! Apesar da sujeira reinante em todo o cinema, o cheiro no ar é o mesmo de 30, 40 anos atrás. (Professor Afonso Paione)

Tags: Memórias de Varginha

46 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Dani // jan 5, 2012 at 5:37 PM

    Decerto a prefeitura tem outros interesses!

  • 2 beatriz // ago 3, 2011 at 8:34 AM

    Desculpe o atraso no comentário (último a 6 meses) mas lendo esta matéria comecei a questionar: E o Cine Rex, é de quem, particular ou prefeitura. Sempre passo por lá e vejo que virou parada de ônibus como o Cine Rio Branco. Eu fui assistir a inúmeros filmes no Rio Branco, pois aos domingos era a única diversão e depois ia ao Maraba comer arroz doce e outras guloseimas, ea tudo boooooooooom demais, o tempo bom aquele!!!!!!!!!

  • 3 Julio Penna // dez 6, 2010 at 11:56 AM

    A inauguração não foi com o filme: “O Manto Sagrado” ???

  • 4 IN OFF // ago 23, 2010 at 8:56 PM

    Vcs não acredita como o Cine Rio Branco está por dentro!!!!!!!!! Acredito que nem Lobisomem, Drácula ou a bruxa de Blair..entra lá!!! O Fernando devia colocar uma foto no blog!!! É impressionante!!!
    Eu hein!!

  • 5 Fernando // ago 23, 2010 at 11:34 AM

    Podemos tentar entrar no guiness, com o maio ponto de onibus do mundo!!

  • 6 Afonso Henrique // ago 22, 2010 at 5:15 PM

    Mostrei esta publicação para minha mãe. Do alto de seus 82 anos ela disse:
    “Eu estava lá no dia da inauguração (11 de agosto de 1956) e assisti Rapsódia, com Elisabeth Taylor”.
    Bom, sendo assim eu também estava lá. Nasci exatamente 5 meses depois da inauguração, no dia 11 de janeiro de 1957.

    A questão do Cine Rio Branco é muito complexa. O pessoal costuma descer a lenha na questão do tombamento. Mas se pensarmos bem tem um fato importante: se não fosse o tombamento o Rio Branco COM TODA A CERTEZA não existiria mais. Nem o que resta dele.
    Foi bom ou foi ruim? Certamente foi péssimo para os proprietários.
    E para a população? Até agora foi ruim, pois de nada serve um patrimônio parado em estado de deterioração.
    De repente pode surgir uma luz no fim do túnel…

  • 7 CRISTIANA // ago 22, 2010 at 2:27 PM

    Vamos começar uma manifestação colocando cartazes ” Mutirão para limpeza, já!” e depois “Mutirão para reabertura com incentivo da Prefeitura, já!” e depois cartazes “Não deixemos a maior tela da américa latina em desuso!” e depois…cartazes e cartazes pessoal, quem sabe assim os amantes e responsáveis pela cultura de nossa cidade ficam solidários e resolvam mais essa qustão em Varginha.

  • 8 paula // ago 21, 2010 at 11:37 PM

    Ja que nao podem fazer nada, porque nao vira SESC? Nós do comércio agradeceríamos muito, ja que Vga tem Sesi, Sest-Senat e nada para os trabalhadores do comércio.Podiam juntar o útil ao agradável. Cadê os candidatos de Vga as vagas políticas? Porque nao nos ajudam nessa causa que é justa? Se amam tanto assim o município, os primeiros culpados são eles, que aprovam vários orçamentos mas sempre se esquecem de sua terra natal, e a cada quatro anos vem sujar nossa cidade com panfletos e emanar sorrisos para os cidadãos como se fossem nossos amigos próximos. Pede pra Geiza ajudar, esteve oito anos da administração e ao fez nada…

  • 9 mari // ago 21, 2010 at 10:07 PM

    É falar é facil mas as pessoas deixaram de lado o prazer de ir ao cinema, haviam 2 cinemas na cidade logo não haverá mais nenhum, basta ir para a porta do unico que agoniza para termos uma idéia. Tudo bem que tenho boas lembranças dos tempos dos filmes dos “Trapalhões”, Titanic, mas o Cine Rio Branco é um grande “cachorro morto”, uma fachada que não tem nada a ver, Por dentro sim já foi bem imponente, mas agora serve apenas para motivo de discussão sem resolver o real problema. Por que não investir para se tornar um centro cultural, teatro, curtas, festivais, até mesmo formaturas, pois nada nada Qdo um dia o Theatro Capitólio ficar pronto quanto você que vai custar o aluguel, para esses eventos….!!!!!

  • 10 Luna // ago 21, 2010 at 4:42 PM

    To GARRADA na faxina, pode contar comigo.

  • 11 Luna // ago 21, 2010 at 4:41 PM

    Também não pude conter as lagrimas. Tenho 36 anos e tinha hora para chegar em casa. Ia todos os domingos na primeira sessão, bala chita, namoro apaixonado, nada de bebida alcoolica, drogas. Não sou tão velha assim, mas em pouco tempo quanta coisa mudou. Que saudade, chego até a sentir o cheiro, o friozinho e as lagrimas chegam de novo.

  • 12 Nova Visão // ago 21, 2010 at 4:27 PM

    Por que não se ajuiza uma ação de DESAPROPRIAÇÃO INDIRETA pela ausência de reparos no prédio? Se está tombado, o ente público tem o dever de mantê-lo. Acho que o resultado de tal ação resolve tudo. O Ministério Público bem pode pensar em uma AÇÃO CIVIL PÚBLICA também. O que acham?

  • 13 manéhoje // ago 21, 2010 at 2:28 PM

    A Prfeitura tem mecanismos legais para adquirir o prédio do Cine Rio Branco. O prefeito deveria oficializar uma aproposta aos proprietários e encaminhar para a câmara projeto de lei para compra amigável ou desapropriação, pagando o preço justo.~´E inacreditável que essa situação perdure por tanto tempo (anos) sem uma solução. A comunidade, por seus representantes políticos, tem aobrigação de voltar suas atenções para essa questão. Corujinha lavraria um tento colosso se tiver essa iniciativa.

  • 14 Maria Purpurina // ago 21, 2010 at 9:05 AM

    Eu tambem ajudo na limpeza afinal será uma otima ideia…..vamos fazer a limpeza começando pelo cinema;;;

  • 15 marcos // ago 21, 2010 at 12:23 AM

    saudades rio branco!!! moro na nova zelandia e aqui que e pais de primeiro mundo nao tem um cinema assim como o nosso glorioso rio branco!fui no rio branco uma vez na vida so assitir o novico rebelde do didi, lembro como se fosse hj…eu e meu pai naquela cinema maravilhoso! saudades

  • 16 Sobre o cinema // ago 20, 2010 at 3:04 PM

    O Rio Branco deve permancer tombado sim. O problema é que os donos querem uma fortuna pelo prédio e ninguem tem dim dim pra comprar. A última vez que fiquei sabendo do preço era por volta dos 5 milhões. Será? E pode ser feito o destombamento da area interna para ser transformado em que quiserem deixando a fachada intacta.

  • 17 carlos augusto // ago 20, 2010 at 1:19 PM

    tá certo Caipirinha,
    se precisar de ajuda pode contar comigo.

  • 18 Edie // ago 20, 2010 at 1:05 PM

    Bom, além de recordar a memória, também têm de haver de todos, principalmente os reponsaveis, de utilizar este local para abrigar um centro cultural, seria muito útil, e junto a isto, sua memória ficaria bem melhor.

  • 19 Lilica // ago 20, 2010 at 12:52 PM

    Não pude conter as lágrimas ao ler sobre o cine Rio Branco…Hoje, aos 37 anos, posso dizer q muitas de minhas felizes lembranças estão intimamente ligadas ao cinema…filha de um pai austero, era o único lugar q eu tinha permissão para frequentar além da Igreja Matriz. Talvez, sem saber, meu pai me incentivou a arte e cultura. Hoje, não vivo sem filmes( possuo mais de 200 títulos),sem música, sem livros, jornais e revistas.Impossível não se comover diante do cinema…e o meu sonho maior, seria assistir Cinema Paradiso no cine Rio Branco.
    Tenho absoluta certeza de q muitos de minha geração gostariam de ter o cine de volta…e muitos seriam capazes de ajudar a recuperá-lo.
    Muita gente já fez reboliço em torno do cinema…de centro cultural até loja de departamento, hj o cinema está mais para albergue de roedores…Muitas pessoas já abraçaram a causa…alguns em benefício próprio, outros em benefício político, outros por desencargo de consciência… os braços foram demasiadamente curtos no abraço! O cine Rio Branco demanda outro modelo de abraço!!!
    mas e aí? até onde vamos no gerúndio das ações??????
    Falar, até papagaio fala né…rs

  • 20 Chacal // ago 20, 2010 at 12:29 PM

    Pobre Cine Rio Branco agoniza no centro da cidade, enquanto esse pessoal no patrimônio histórico nos diz que nada pode ser feito com o prédio do cinema, é uma judiação o que estão fazendo,vandalos pixaram toda a lateral que dá acesso ao calçadão, proximo a livraria do estudante,os vidros estão quebrados, muito lixo, pessoas que usam a calçada do mesmo, para urinar e jogar lixo,a poeira é iminente, me lembro com saudades que nos fins de semana ia assistir aos grandes lançamentos e olha que eram filmes ótimos, me lembro que comprava balas, chicletes, e que o senhor Jordão nos atendia muito bem, com uma fineza que lhe era peculiar, nem sei mais onde ele anda,me lembro do sempre animado Messias que com seu sorriso cativava á todos,gostaríamos que o cine Rio Branco voltasse, dá saudade demais viu.

  • 21 O Caipirinha // ago 20, 2010 at 12:22 PM

    Em tempo: Quem for varginhese siga-me.

  • 22 O Caipirinha // ago 20, 2010 at 12:21 PM

    Olha vou dar a minha opinião, se o responçavel pelo predio do Cine Rio Branco topar, nos os varginheses com saudade, organizamos um grande multirão de limpeza, e deixamos o Rio Branco um brinco. e ai seria aberto nas tardes de domingo para visitação publica. Quen sabe as balas chita da dona Maria Clara Jordão e algum parente do Sr. Constate. O Sr. Waldir magrela na portaria, e muito mais…. Gente tudo isso ainda está em tempo( Mas o tempo não para) Falei e tá falado. Admann Dileve. Porque cavalo não sobe escada. Vamos nessa Prof. Paione

  • 23 Laís // ago 20, 2010 at 12:11 PM

    Deveria…deveria…deveria… Madeira, vamos organizar uma passeata, uma manifestação qualquer que seja e tentar algo?

  • 24 Eu eim Sô!!! // ago 20, 2010 at 11:52 AM

    NÃO SOU DESSA ÉPOCA NÃO,MAIS TERIA VONTADE DE VER O CINE RIO BRANCO ABERTO,POIS NUNCA VI!!!

    AGORA A PREFEITURA DEVERIA FAZER UMA PROPOSTA PARA O PRINCE,OU VENDE PELO PREÇO OFERECIDO OU DESAPROPRIA AI EU QUERO VER NÃO ACEITAR GRANA!

  • 25 Edwin Fortmaq // ago 20, 2010 at 11:39 AM

    Alguem se lembra do porteiro e operador de progetor de filmes? Um senhor magrinho? Entao ele trabalha na loja do Sr. Manoel AUTOAZE, em frente ao Posto Pedra Negra, seu nome é Sr Valdir, sempre que passo por la, gosto de conversar com ele sobre os velhos tempos do CINEMA RIO BRANCO… Nao podemos esquecer dele…

  • 26 Fernando // ago 20, 2010 at 11:31 AM

    Deveriam utilizar o local para uma casa de shows. cinema do tamanho do rio branco nao ha nescessidade em Varginha, mas se aquilo for transformado em uma casa de shows, poderemos ter ate mesmo artistas internacionais aqui!!!!

  • 27 Edir Macedo // ago 20, 2010 at 11:21 AM

    O cine rio branco já é meu…vou colocar muitos fieis lá dentro. Varginha precisa de Deus no coração da população

  • 28 TRAJANO // ago 20, 2010 at 11:13 AM

    Eu sempre entrava de graça no cine!

  • 29 carmen lucia // ago 20, 2010 at 11:06 AM

    Que saudades mesmo e no dia da inauguração eu estava lá.Pois meu avô quem colocou todo o marmore , e porisso recebeu um ingresso para inauguração,estava eu minha vó e meu vô que saudades.

  • 30 Maria Purpurina // ago 20, 2010 at 11:03 AM

    RESPOSTA PARA O ZÉ PICUÁ……A TAL SONIA TERRA SUMIU DE VARGINHA E LARGOU AI….SÃO PESSOAS QUE ENTRA NA PREFEITTURA SO PRA ATRABALHAR…COM ESTE NEGOCIO DE TOMBAR PATRIMONIO …ELA ACHO QUE MORA NO RIO DE JANEIRO.

  • 31 Myriam // ago 20, 2010 at 10:58 AM

    Meu sonho é ver este cinema reaberto, pois eu tenho lindas lembraças de lá e gostaria que meus filhos tivessem o mesmo …..È realmente um absudo ficar fechado, quem sabe alugar para fazer um shoppim pequeno , mas reabrir aquelas portas que tanto fez pessoas felizes….Vamos converasr com os politicos que realmente tem interesse.

  • 32 TM // ago 20, 2010 at 10:57 AM

    Tombamento: atrasando o Brasil desde 1500.

  • 33 Regi // ago 20, 2010 at 10:52 AM

    Saudade imensa.Me lembro como se fosse hj da primeira vez q fui ao cinema.Fui com meus pais assistir ao filme “Super Xuxa contra o baixo astral”.Meu DEUS,memórias q o tempo ñ apaga!Saudade gostosa e doída por ver o estado de abandono em que se encontra um lugar que marcou a história de tanta gente!

  • 34 BAADER MEINHOF // ago 20, 2010 at 10:28 AM

    Um dos melhores cinemas que já existiram neste país, quiçá da américa latina. Uma pena, um azar ter sido construído justamente em Varginha, terra em que tudo é destruído e nada é mantido, revitalizado…

  • 35 Afonso Lima // ago 20, 2010 at 10:27 AM

    Se os governantes de Varginha tivessem um pouco de amor a Cultura, não deixariam um patrimônio do nível do Cine Rio Branco, abandonado e jogado à própria sorte. O Capitólio permanece fechado, nunca terminam a reforma, depois dizem que Varginha é cidade polo, só se for polo do descaso e da falta de respeito com o patrimônio e a cultura de sua gente. Lamentável.

  • 36 OLHO DO ET // ago 20, 2010 at 9:57 AM

    Deveria simplesmente voltar a ser o Cinema…..só isso já seria o bastante

  • 37 DIRSO // ago 20, 2010 at 9:47 AM

    O ÚLTIMO FILME QUE FOI EXIBIDO FOI O TITANIC, ESTAMOS COM SAUDADES…

  • 38 OUSADIA // ago 20, 2010 at 9:44 AM

    O PROBLEMA É QUE O FERNANDO PRINCE NÃO DESATA O NÓ, N VENDE, N USA, N ALUGA, ENFIM, SERIA EGO? SO´PRA DIZER QUE É DONO DO CINEMA?TEM QUE RESOLVER ESSA SITUAÇÃO, FICA AQUI A INDIGNAÇÃO.

  • 39 BUCK JONES // ago 20, 2010 at 9:23 AM

    ATÉ HOJE EU NÃO SEI DE QUEM FOI A INFELIZ IDÉIA, DE ¨TOMBAR¨, O CINE RIO BRANCO. MOREI NO RIO, E NEM O METRO BOA VISTA, NA CINELÂNDIA, ERA MELHOR DO QUE O NOSSO RIO BRANCO. EU NÃO GOSTARIA, NEM DE ADENTRAR… ACHO QUE NÃO CONSEGUIRIA CONTER MINHAS LAGRIMAS. LAMENTAVEL!!!

  • 40 zé fumaça // ago 20, 2010 at 9:21 AM

    Poderia ter sido vendido a um grupo privado com um contrato de intenção para manter ao máximo as características originais do prédio. Aí então surgiu um grupo de pessoas buscando auto-promoção com o tombamento do prédio…. deu no que deu. Agora o cinema fica fechado, sendo consumido lentamente por ratos. Engraçado que ninguem que levantou a bandeira do tombamento na época se pronuncia nesses momentos. Sem contar a sacanagem que fizeram com os donos do cinema….

  • 41 Zé Picuá // ago 20, 2010 at 9:21 AM

    Ainda lembro-me quando ia assistir aos filmes no domingo e na epoca minha namorada tinha hora pra chegar em casa. (hoje em dia o pessoal sai de casa as 23:00) Muita e muitas vezes tivemos que sair antes do final do filme pra não contrariar ao pai dela. Alguem sabe dar noticias da Sonia Terra e do movimento encabeçado por ela que redundou neste elefante escuro parado no tempo?

  • 42 Leitora // ago 20, 2010 at 9:13 AM

    Realmente é uma pena, um monumento como Cine Rio Branco ter acabado assim…
    Bom seria se tudo lá dentro estivesse funcionando normalmente como era antes. Eu ainda me lembro das vezes q fui ao Cine, e tenho muita saudade. Este Cine era muito lindo pra terminar se acabando desta forma. É uma pena … Deveria ser restaurado e usado então para eventos …

  • 43 Rodrigo // ago 20, 2010 at 8:58 AM

    Nossa quanta saudades do Cine Rio Branco
    Matines enfim , adorova
    o ultimo filme que assisti lá foi Titanic

    Saudades D+

  • 44 Peninha // ago 20, 2010 at 8:54 AM

    que saudades dos filmes de bang bang nas sextas feiras.

  • 45 LALA // ago 20, 2010 at 8:47 AM

    Cine Rio Branco…..inesquecível.As filas,o programa da semana entregue pelo porteiro(guardava todos) as poltronas vermelhas no saguão,as balas da Dona Maria Clara Jordão,oConstante com a sua lanterninha,enfim.Que saudades!!!!!Bons tempos,anos 70.Obrigada Professor Paione por relembrar tantas coisas boas que já tivemos a oportunidade de usufruí-las(?)

  • 46 cont(ato) // ago 20, 2010 at 8:29 AM

    É uma pena ver o cine Rio Branco assim. Deveriam deixar mais pessoas visitarem o cinema . Até quando ele vai ficar assim, sem que ninguém tome providência? Não pode ser demolido, não pode ser usado, não pode ser vendido… não dá pra entender! Quando lembro da estória dos sem-telas me dá náuseas. Ainda bem que faço parte da história desse gigante. Grande saudade.

Deixe um Comentário