Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Goleiro Bruno é anunciado por clube da Série C do Carioca

março 17th, 2021 · Sem comentários

Condenado pelo assassinato de Elisa Samudio, o goleiro Bruno não sabe o que é ficar sem emprego. Depois de atuar pelo Rio Branco, do Acre, agora ele foi anunciado pelo Esporte Clube Atlético Carioca, clube de São Gonçalo, da Região Metropolitana do Rio. 

“A espera acabou, bem-vindo, Paredão! Com passagens por Atlético e Flamengo, Bruno Fernandes é o primeiro reforço do Atlético Carioca para a disputa do Cariocão Série C 2021”, diz a postagem do time gonçalense nas redes sociais.

Clique no título para mais informações.

uniprox tonner

Preso em setembro de 2010 pelo homicídio da modelo Eliza Samudio, além de sequestro e cárcere privado do filho Bruninho, o goleiro foi condenado a 20 anos e 9 meses. No entanto, ele cumpre a pena em regime semiaberto desde julho de 2019 e tenta se reintegrar ao futebol profissional.

Revelado pelo Atlético, Bruno teve o principal momento na carreira profissional pelo Flamengo, sendo campeão brasileiro pelo clube carioca em 2009. O goleiro teve o contrato rescindido com o clube carioca após o caso Eliza Samudio. 

Passagens curtas pelo futebol após prisão

Desde a condenação, em março de 2013, Bruno tentou retomar a carreira profissional em algumas ocasiões. Em algumas, chegou a atuar, enquanto em outras nem sequer entrou em campo.

Em 28 de fevereiro de 2014, Bruno assinou contrato com o Montes Claros, à época na segunda divisão do Campeonato Mineiro. O goleiro cumpria pena em regime fechado e teve permissão negada pela Justiça para atuar pela equipe do norte de Minas Gerais. Em 2015, o Montes Claros encerrou suas atividades, mas o contrato com Bruno só foi encerrado em 2017.

Em 14 de março de 2017, Bruno rescindiu com o Montes Claros para atuar pelo Boa Esporte. Duas semanas antes, ele havia conseguido habeas corpus, o que possibilitou seu retorno aos gramados. Pelo clube de Varginha, o goleiro fez cinco partidas. Em 20 de abril de 2017, a liberdade de Bruno foi revogada e o jogador voltou para a prisão.

Após a saída do Boa Esporte e a repercussão negativa com o anúncio do goleiro, Bruno só voltou a atuar profissionalmente após entrar em regime semiaberto. Em 27 de agosto de 2019, ele assinou com o Poços de Caldas, da terceira divisão do Campeonato Mineiro, mas deixou o clube menos de um mês depois, tendo atuado em apenas 45 minutos.

Em 20 de janeiro de 2020, o Operário-MT anunciou a chegada de Bruno, mas desistiu de contratar o goleiro, dois dias depois, após repercussão negativa. No período, o clube matogrossense chegou até a perder um patrocinador.

Em abril deste ano, o J Winners, clube-empresa europeu, chegou a anunciar acerto com Bruno, que ficaria emprestado a uma equipe do Rio de Janeiro em 2020. O clube em questão não foi anunciado.

O último clube de Bruno foi o Rio Branco, do Acre. (Com informações do SuperEsportes)

Tags: Esporte

0 Respostas Até Agora ↓

  • Não existe comentário ainda. Deixe o seu comentário preenchendo o formulário abaixo

Deixe um Comentário