Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Advogado que matou jovem em Varginha é absolvido

setembro 25th, 2019 · 13 Comentários

Atenção: muitos comentários não estão sendo publicados, porque não obedecem as regras do blog (leia aqui).

A decisão levou quase 12 horas de júri para sair, nessa terça-feira 24/9. O julgamento começou às 9h15 e terminou apenas às 20h50. O Salão do Júri, no Foro da Vila Pinto, recebeu grande número de pessoas. Havia parentes (principalmente da vítima, Jhonatan “Piu Piu” Bueno) e do advogado, Clauber Antônio Correa Cardoso, além de estudantes de Direito, advogados e curiosos. A Polícia Militar montou um esquema de segurança na frente do fórum durante todo o dia.

O advogado da defesa, Fernando Costa Oliveira Magalhães (de Belo Horizonte), disse que Clauber agiu em legítima defesa. Os jurados acataram a tese e absolveram-no.

A família de Piu Piu reagiu na hora. Muitos familiares reclamaram e pediram justiça. Depois, postaram uma mensagem na internet.

O caso
O crime aconteceu na noite do dia 23 de setembro de 2015. Piu Piu e Clauber teriam discutido pelo WhatsApp. Piu Piu foi à casa do advogado para tirar satisfações. Clauber atirou no olho do rapaz.

A audiência foi presidida pelo juiz José Paulino de Freitas Neto. O promotor foi Wagner Iemini de Carvalho.

Tags: Geral

13 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Lucas // set 27, 2019 at 10:36 AM

    Concordo, morreu pq era abusado

  • 2 Sandro Dias // set 26, 2019 at 9:09 PM

    PRÁ MUITA GENTE ATÉ O CHAMPINHA ERA SANTO. GENTINHA HIPÓCRITA FALANDO BOBAGEM. SE ENTRAREM NA MINHA CASA PRÁ ME AGREDIR, LEVA BALA TAMBEM. JURI ACERTOU NA ABSOLVIÇÃO.

  • 3 Lucas // set 26, 2019 at 10:26 AM

    Gilson se vc não conhece a vítima,não perdeu nada um contumaz. delinquente agressivo falar e fácil vc esperaria ser agredido,ele invadir sua casa,pra tomar uma atitude.Pense antes de falar.

  • 4 Mario // set 26, 2019 at 9:34 AM

    TUDO QUE COMEÇA ERRADO TERMINA DE FORMA ERRADA.

    REALMENTE É ESTRANHO, MATAR, E SAIR SOLTO, NAO CONCORDO COM ISSO.

    APESAR, DA VITIMA, SE FOR VERDADE, 33 PASSAGENS, TAMBÉM PROCUROU SARNA E ACABOU ACHANDO.

    LAMENTAVEL PARA TODOS OS ENVOLVIDOS.

  • 5 Rodrigo // set 26, 2019 at 9:31 AM

    A vítima que de vítima não tinha nada,possuía diversas passagens na polícia,tamanha a inocência mais quem morre é sempre santo morre por culpa da índole.

  • 6 Tatu-pe // set 25, 2019 at 6:34 PM

    Não conhecia a vitima e também não conheço o acusado do crime, portanto falo(escrevo) com absoluta isenção.Com certeza foi uma decisão “infeliz” do tribunal do juri; corporativismo, corpo de jurado sem preparo, enganado, falta de habilidade do promotor? Não sei! Aonde se vê legitima defesa neste crime? A vitima foi atraída à casa do acusado quando este colocou a masculinidade da vitima em dúvidas ao dizer ” venha aqui em casa se você for homem” e sem portar nenhuma arma de fogo ou mesmo arma branca o mesmo foi recebido a bala sem nenhuma chance de defesa. Pelo menos é esta a informação que possuo através dos meios de comunicação. Então eu fico pensando cá com meus botões: não seria hora de pararmos de dizer que temos uma lei fraca e que dá margem para garantir impunidade e começarmos a questionar os operadores do direito? Sim por que assistimos todos os dias decisões diferentes de juízes de 1° grau, tribunais de justiça, STJ e STF interpretando a mesma lei. Infelizmente, são decisões como esta que alem de não fazer justiça, ainda deixam margem para que o crime tenha continuidade. Longe de mim estar aqui a fazer apologia à vingança, justiça com as próprias mãos, atitudes que abomino, mas, as vezes é isso que acontece, numa atitude impensada, pessoas de bem se deixam levar pela revolta e se tornam tão, ou, até mais criminosa do que àquela que se buscou vingar.

  • 7 Indignado!! // set 25, 2019 at 5:11 PM

    Morvan absolveu ele!!

  • 8 Lucinda // set 25, 2019 at 1:50 PM

    Achei louco de bãoooo que siga de exemplo para esses mal elementos valentões que tem por aí, que ninguém tem peito de aço não, o Claubinho é advogado de porta de cadeia, mais tava em casa quieto, o outro procurou e achou bem feito…. Eu acho é pouco…..Segue o baile ################################ (o restante do comentário foi moderado)

  • 9 AL // set 25, 2019 at 11:18 AM

    Agora vamos condenar esse rapaz por escrever “concerteza”.

    Matou o Português, merece ser preso.

  • 10 Causídico // set 25, 2019 at 9:13 AM

    E igual fralda de nenem

  • 11 Só observando... // set 25, 2019 at 9:12 AM

    Tribunal do Júri é igual sentença de juiz…

  • 12 Vieira // set 25, 2019 at 9:09 AM

    Fiquei muito Feliz com a Noticia, que a Justiça tenha sido feita, o “Piu Piu”, mais que mereceu o fim Tragico que o Levou para o Quinto dos Inferno, ele não era uma boa pessoa, depois que morre, todo mundo acha q e santo.
    Ele era uma pessoa que adorava Brigar, fazia brincadeiras de mal gosto, e posava de valentão e fortão, mereceu o fim, menos um Vagabundo nas ruas, que a justiça continue sendo feita.

  • 13 Gilson // set 25, 2019 at 8:00 AM

    Realmente um absurdo!!! A vítima não deveria ter ido tirar satisfação nenhuma, mas MUITO MENOS, o advogado ter usado de uma arma de fogo para se defender. Era só ter chamado a polícia. Houve invasão de domicílio?? NÃO. A vítima estava armada?? NÃO. A vítima tentou pular o muro ou alguma coisa parecida?? NÃO. A verdade é que o “ADVOGADO” teve a intenção de matar e não de se defender. Não conheço a vítima, mas temos que respeitar as leis. Aposto que o juri estava cheio de “bolsominions” que acham que tudo se resolve na bala. Se a vítima estivesse armada seria diferente, mas não era o caso. Cuidado, logo logo uma buzinada no trânsito vai custar uma bala no olho e se for depender de juris iguais a esse, os assassinos vão ficar livres.

Deixe um Comentário