Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

A Terapia Cognitivo-Comportamental na Dependência Química

maio 9th, 2019 · Sem comentários

Por Mayara de Paula Lajara

O uso de substâncias psicoativas causam, além da dependência, prejuízos e complicações graves, que resultam na deterioração da saúde geral do indivíduo e produzem efeitos negativos nos contextos pessoal, social e profissional.

Estudiosos da Terapia Cognitivo-Comportamental (TCC) identificaram que esta abordagem contribui para o tratamento da dependência química, com a implementação de técnicas para prevenção de recaídas, podendo também ser utilizada em associação a outros métodos terapêuticos, como grupos de auto-ajuda, tratamento medicamentoso e tratamento psiquiátrico.

Na dependência química, a TCC vem sendo aplicada como psicoterapia individual, de grupo, terapia familiar e, também, em unidades hospitalares, escolas terapêuticas, hospitais e comunidades terapêuticas.

O tratamento busca mudanças cognitivo-comportamentais e caracteriza-se como um processo de treinamento de habilidades, reestruturação cognitiva e intervenção no estilo de vida. As ações da psicologia, nesse processo de tratamento, ocorre no cotidiano do paciente, possibilitando ao terapeuta realizar as intervenções necessárias em direção à manutenção do processo de abstinência de substâncias químicas.

Psicóloga/Especialista em Avaliação Psicológica/Mestra em Psicologia da Saúde

CRP (04/38669)

Tags: Geral · Opinião

0 Respostas Até Agora ↓

  • Não existe comentário ainda. Deixe o seu comentário preenchendo o formulário abaixo

Deixe um Comentário