Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Momento saúde: Síndrome do Crepúsculo ou Entardecer

abril 6th, 2016 · 2 Comentários

momento da saúde banner blog do madeiraNa coluna Momento da Saúde da Associação Brasileira de Medicina Preventiva – ABRAMEP de hoje: “Síndrome do Crepúsculo ou Entardecer”. (clique no título para ler artigo completo)

Algumas verdades primeiras… ou supostas como tais:
Ao entardecer os doentes, dependentes crônicos, dependentes psíquicos, pacientes especiais, idosos, experimentam uma sensação de tristeza.
Muitos se sentem inquietos, assustados, medrosos, e isto têm a ver com o cair do sol e inicio da noite. Tem a ver com a baixa luminosidade, com o fato de que a noite está chegando.
A síndrome do entardecer está ligada às perturbações que ocorrem freqüentemente nos relógios biológicos dos idosos, conhecidos como ciclo circadianos, no ponto em que os ciclos de sono-vigília são fragmentados.
Foi diagnosticado como síndrome, pois apresenta sempre características iguais, com comportamentos que comprometem a vida cotidiana, por vezes em surtos.
Importante que Cuidadores e familiares conheçam estes sintomas e aceitem o fato como uma doença. É um grande problema para os cuidadores.
Os pacientes podem ficar agressivos e muito perturbados
Não deixe que fiquem sozinhos, acendam as luzes ou faça com que estejam em local com mais pessoas para aumentar a segurança.
Não deixe para neste horário fazer exercícios ou tomar banho, pois o medo pode atrapalhar.
Demonstre entender esta agonia e tristeza, solidarize-se fazendo algo positivo e sempre acompanhe com calma.
Em todas as idades pode existir a síndrome e muitas vezes precisa de medicação adequada dependendo do grau de depressão que apresente.
Peça orientação ao médico responsável e você Cuidador informe-se a respeito para conduzir bem seu trabalho e ajudar.
· Presidente de Honra da Associação Brasileira de Medicina Preventiva(ABRAMEP) e Membro da Academia Varginhense de Letras, Artes e Ciências(AVLAC).

Tags: Geral · Saúde · Utilidade pública

2 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Silvia // out 26, 2020 at 10:30 AM

    Foi muito bom poder ver este artigo, tenho uma pessoa de idade que está com estes sintomas, só sente as dores a noite.
    Vou ver o médico adequado imediatamente.
    Obrigada

  • 2 Lydia Maria Braga Foresti // abr 6, 2016 at 3:00 PM

    Texto excelente. Há necessidade de reforçar a divulgação. Conheço uma criança que apresenta os mesmos sintomas.

Deixe um Comentário