Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Homenagem póstuma: Joaquim Gazola Sério

outubro 20th, 2014 · 5 Comentários

Paz, Sombra e Água fresca para Vô Quinzinho (Por Diego Gazola)

Minha vida profissional dedicada ao jornalismo tem uma grande influência de meu avô Quinzinho, que fez sua passagem essa semana aos 92 anos.
Durante a infância em Varginha, cultivei por anos o hábito de ir à Missa das Crianças na igreja Matriz, e depois seguia para a casa de meus avós paternos para comer pão de queijo. Clique no título para continuar lendo.blogMAdeiraavatim2
Chegando lá, sempre me deparei com Vô Quinzinho lendo o jornal O Estado de S. Paulo. Minha curiosidade em compreender o que levava ele a permanecer por tantas horas imerso naquelas páginas, me instigou certo dia a pedir-lhe que separasse alguma parte para minha leitura.
Desta forma ele me ofereceu pela primeira vez o caderno infantil Estadinho. Assim, gradativamente, sempre que chegava em sua casa aos domingos, o Caderno já estava sob a mesa, devidamente separado.
Do Estadinho para a leitura do jornal completo foi um processo muito rápido, e desta forma os temas sobre Brasil e o mundo foram oportunidades por anos para que interagíssemos.
Vô Quinzinho faleceu na tarde do aniversário de sua eterna companheira, a Vó Didi. Se conheceram na década de 1940 quando ele trabalhava como cobrador na empresa de transportes Pássaro Amarelo, na linha da jardineira que fazia a linha entre Varginha e Boa Esperança. Os dois sempre foram um grande exemplo de Amor e de cumplicidade entre casais.
Em suas últimas palavras, Vô Quizinho disse que desejava paz, sombra e água fresca. Com o intuito de contemplar o seu último desejo, seu corpo foi cremado e oferecido a uma árvore em seu Sítio Rio Verde.
Vô Quinzinho agora é árvore. E proverá Paz, Sombra e Água fresca por muitas décadas a todos seus familiares e amigos que cultivarão o seu exemplo por muitas gerações.

Tags: Opinião

5 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Diego Gazola // out 21, 2014 at 9:11 PM

    Grato a todos pelas mensagens à Família.

  • 2 Leão Miranda // out 20, 2014 at 2:17 PM

    Joaquim Gazola (Quinzinho Gazola),

    Parabéns Diego Gazola pela homenagem póstuma a seu avô, muito bonita, real e emocionante.

    Sr. Quinzinho era realmente uma pessoa extraordinária, exemplo de pessoa simples, exímio pai de família, pessoa extremamente cativante, humilde, serena e sincera, seu grande objetivo na vida era construir e cativar amizades, indiferente de cor, raça ou status social.

    Pela passagem do passamento do Sr. Quinzinho Gazola quero externar meus sentimentos por esta transição e dizer que: Sr. Quinzinho, ficará por todo o sempre encrustado na ternura e na sinceridade de nossas amizades.

    Sr. Quinzinho, recebeu um convite do Arquiteto do Universo, e com toda sua sabedoria e humildade, aceitou sem ressalvas.

    Ao amigo Márcio Gazola, aos seus irmãos Gilberto, Vera Lucia e Maria Lucia e a toda família enlutada nossas condolências e que Deus derrame suas bênçãos a todos vocês.

    Engenheiro Leão de Miranda

  • 3 Mila // out 20, 2014 at 8:56 AM

    Me emocionei ao ler esse texto! Como é bom saber que ainda existem pessoas que se amam eternamente e famílias lindas e unidas como esta.

  • 4 Fernando Delfraro Barros // out 19, 2014 at 7:39 PM

    Lindas palavras do competente Diego!!!!
    Realmente o texto é de uma imensa delicadeza e amor a família e a vida!!!
    Abraço.

  • 5 pereira // out 19, 2014 at 1:46 PM

    Vô de quem?

Deixe um Comentário