Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Varginhense pelo mundo: Renata Lobato

fevereiro 19th, 2012 · 4 Comentários

A varginhense de hoje é jornalista e escritora, Renata Lobato que está morando no Canadá.  Aos domingos, postamos a Coluna Varginhenses pelo mundo na expectativa de rever amigos e colegas que são um pedacinho de Varginha onde quer que estejam. Se você é um varginhense que está em outra cidade, estado ou país envie sua história pra gente. O e-mail é [email protected] Clique abaixo para ler mais.
“Você não escolhe a cidade onde vai nascer, mas pode escolher qual vai ser o seu porto-seguro. Por isso, me considero uma varginhense adotiva. Minhas melhores recordações de infância e adolescência estão em Varginha. E por isso mesmo, minhas saudades também.
Meus avós e tios maternos moram e moravam na cidade desde que nasci. Cresci entre idas e vindas em férias, feriados ou qualquer esticadinha que fosse motivo pra uma visita. Era uma reunião de duas coisas perfeitas: casa de vó e família reunida.
A rua da minha avó, Av. Dr. José Marcos, sempre foi uma referência de família ampliada. Suas vizinhas até hoje me tratam com o carinho de uma “neta pródiga” e eu as amo muito com o afeto de neta sortuda.
Uma das minhas melhores recordações está na varanda da minha avó. Meu falecido avô e eu ficávamos horas olhando as pessoas passarem, conversando com alguém que parava para uns dedos de prosa. Entre silêncios e histórias repetidas, eu aprendi que felicidade está no simples, no afeto dividido entre as pessoas e isso foi essencial para o que viria depois.
Pois é, o tempo é um ladrãozinho bem inteligente. Enquanto me dava a oportunidade de conhecer novos lugares, novas pessoas, me tirava viagens de volta para Varginha. Foi assim que, nessa troca sedutora, acabei parando na Colômbia. Três anos superfelizes. Três anos descobrindo que amigos fora do país acabam virando sua família e sua família, uma hora danada no skype.
Mas porto-seguro bom, é aquele que não foge de você, por mais estranho que isso possa parecer. Por isso, quando decidimos nos casar, eu fiz uma imposição de noiva sobre o local. Acabamos parando na linda fazenda Pedra Negra. De repente, meu porto-seguro virou uma grande festa, com gente de todas as partes do país e de fora dele também.
Mal sabia que um dos meus momentos mais felizes também significaria o lugar de uma grande despedida. Meses depois, meu avô falecia e foi o único momento em que eu odiei por uns segundos a palavra distância. Mas me veio a lembrança da varanda, daquele tempo todo aprendendo muito e de como perto e longe podem ser pra lá de relativos.
Hoje, como a Luiza, estou no Canadá. Já viajei para lugares incríveis no Caribe, na Turquia, França, Grécia, Estados Unidos, mas cada vez mais eu tenho certeza que, por mais incríveis que eles sejam, tem um lugarzinho especial no Bom Pastor me esperando. E isso, caros leitores, é muito mais que incrível!”

Tags: Varginhenses pelo mundo

4 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Glauber Vieira // set 27, 2013 at 1:05 PM

    Legal o perfil dela, mas gostaria de saber quais as obras que ela já escreveu. Fiquei curioso.

  • 2 Noel // fev 23, 2012 at 10:02 AM

    Todo mundo passou um carnaval QUENTE….Menos a Renata que esta no canada….

    PS: Foi mal eu tive q fazer essa piada.

  • 3 Morador // fev 22, 2012 at 1:05 PM

    A Renata, ela mora no canadá, será que ela conheceu a Luiza que foi pro canadá?

  • 4 josé ricardo de araújo // fev 19, 2012 at 2:56 PM

    Isso chama-se FELICIDADE. Good Luck!

Deixe um Comentário