Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Poder público ineficiente e falta de educação de alguns moradores são a receita das enchentes em Varginha: leia na Folha de Varginha, edição 118

janeiro 21st, 2012 · 5 Comentários

Poder público ineficiente e falta de educação de alguns moradores são a receita das enchentes em Varginha; Acadêmico lança livro sobre Aurélia Rubião; Boa: Viviane Araújo rouba a cena na festa do time; Folha de Varginha agora circula em 35 cidades. A edição 118 da Folha de Varginha chega às bancas às 13h deste sábado (21).

A Folha de Varginha circula todo sábado em 22 cidades da região, transportada pela Empresa Santa Terezinha. Em Varginha pode ser encontrada (a partir de 13h) nas bancas Fatos & Fotos (em frente ao Restaurante E&E), Hamada (rua Santa Cruz), Rio Branco (do Amintas, na avenida Rio Branco) , do João (em frente ao Supermercado Maiolini da Rio de Janeiro), do Orlando (antes da Padaria Princesa) e na Livraria Nova Opção (na travessa Monsenhor Leônidas, perto do Colégio dos Santos Anjos).

Quem abastece nos postos Britto’s (da Benjamin Constant) e Líder (antigo Geraldo Lima) ganha um exemplar de cortesia. A Folha também é distribuída gratuitamente para os clientes dos restaurantes Castelli Romanni e Xodó do Vovô (da Presidente Antônio Carlos).

Tags: Folha de Varginha

5 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Lobão // jan 23, 2012 at 1:06 PM

    ô Madeira, pq não faz upload mais do jornal em PDF?

  • 2 DIARIO DE UM VAMPIRO // jan 23, 2012 at 8:30 AM

    e verdade mesmo tem gente que nao tem educaçao e joga tudo no RIBEIRAO MORO AQUI PERTO E JA VI ISSO

  • 3 pepa // jan 22, 2012 at 11:54 AM

    Madeira segue um texto interessante relativo ao assunto EDUCAÇÃO.

    Um jovem deixa a motocicleta estacionada ao lado do passeio, sem desligar o motor, senta-se na ponta de um banco e toma uma cerveja.
    Na outra ponta do banco, um senhor idoso descansando e aproveitando o solzinho da tarde.
    O moço cheio de empáfia começa a falar:
    “Quem é que nos approntou esse mundo nojento de Hoje? Quem empestiou o ar que respiramos?Por que a Chuva é ácida? Heim? Foi sua geração senhor!”
    O jovem tomou sua latinha de cerveja e um sandwiche, e quando terminou, jogou a latinha para trás e amassou o guardanapo, jogando-os no chão, e depois continuou falando. O velhinho escutou mas não reagiu, pois, esse jovem imaturo e bronco até teria razão. È verdade que a Bíblia diz:”Enchei a terra e submetei-a” ( Gen.1,28). Essa subjugação da natureza, no entanto foi abusiva. Ele quis externar suas idéias, mas o jovem continuava a criticar.

    E esse jovem deixou a sua moto ligada poluindo o ar que desejava puro! Será que em casa ele racha lenha para usá-la no fogão, ou consome Gas de cozinha? Ele esfrega suas roupas sujas à moda antiga , ou utiliza máquina de lavar?
    Quando o velho ia falar, o jovem amaça seu maço de cigarros e joga pelo chão.

    Aqui não adiantam considerações, pensou o velho. Ergueu-se com dificuldades, juntou a latinha, o guardanapo e o maço de cigarros e jugou tudo no lixo, e disse: ” Veja meu jovem, assim deveríamos todos cooperar para recompor a natureza!

  • 4 CorruPTos // jan 22, 2012 at 8:37 AM

    Sinto muito, mas não acho que as enchentes nos córregos de Varginha tenham a ver com falta de educação dos moradores.
    Poderia até ter, pois, falta de educação com o lixo não faltam, mas isso não influenciou em muita coisa não.
    O grande problema é que a grande quantidade de mato segura detritos durante muito tempo e diminui a vazão das águas.
    A criação de novos bairros e seus asfaltamentos diminui a absorção da chuva pelo solo e sobrecarrega também os córregos.
    Então a tendência é que a coisa piore a cada ano.
    A dragagem dos córregos e o aumento de sua vazão são questões que não podem mais ser ignoradas.

  • 5 Juvenal // jan 21, 2012 at 5:58 PM

    E pensar que não se ouviu falar das tradicionais enchentes lá em Pouso Alegre esse ano…

Deixe um Comentário