Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Radares começam a funcionar em Lavras e Ijaci

outubro 15th, 2011 · 6 Comentários

A partir de segunda-feira (17), dois radares começam a funcionar na rodovia MG 335, que passa por Lavras e Ijaci. Os dois novos equipamentos, com velocidade máxima……permitida de 60 km/h, serão instalados nos quilômetros 80,5 e 84,5. A Assessoria de Comunicação do Governo do Estado informou que “radares só são instalados pelo DER/MG após elaboração de estudo técnico e implantação de projeto específico de sinalização e, somente depois de concluída esta etapa, é que os equipamentos entram em operação; mas para que isto aconteça, é necessário, também, que haja a aferição do Instituto de Pesos e Medidas do Estado de Minas Gerais (Ipem-MG), órgão credenciado pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normatização e Qualidade Industrial (Inmetro), e em conformidade com as determinações do Código de Trânsito Brasileiro (CTB)”. Outros 31 radares serão instalados no Estado, nas próximas semanas.

Tags: Sul de Minas

6 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Dunga Lycarião // dez 30, 2011 at 6:08 PM

    Com toda certeza vocês não estão preparados para a tecnologia, e parece que também tem dificuldades com bons carros. Posso até entender as suas deficiências .Mas eu estou inteiro e sei dirigir muito bem, Quanto aos que morrem de acidentes, vocês podem encher de radares, que eles continuaram a morrer. E meu direito lutar pela minha liberdade. E não abro mão dela por nada. Quanto ao respeito ao proximo, se ele for barbeiro , que não dirija. E pra terminar amigo, quem tem medo de cagar que não coma .

  • 2 Alexandre Miranda // out 17, 2011 at 10:41 AM

    Apoiadíssimo Mauro, O Brasil não é capaz de andar com tanta liberdade, não podemos ter as rédias soltas devido a falta de conscientização da população! Não estamos nos anos 70, mas a cabeça da população deve estar, não adianta a industria melhorar os carros e o governo não criar regras para uma convivência um pouco mais segura. Hoje ninguém está preocupado com o próximo, no respeito da convivência. Pagamos impostos sim e altos mais não somos capazes de unir e cobrar por mudanças e transparências pois esperamos que o outro faça por nós!!!!! Então com isso fica a pergunta seremos capazes de ter um país sem regras? Já está difícil de conviver com elas que quase nunca são executadas, imaginem sem elas????

  • 3 Mauro // out 16, 2011 at 9:49 AM

    Sr. “Dunga Lycarião”,

    Com todo respeito, é por causa de pessoas que pensam assim é que estamos aumetando as estatísticas de mortes no trânsito.

    Quando diz:
    …”Hoje com toda tecnologia embarcada nos carros ,estamos novamente obrigados a andar em velocidades ridículas, como se ainda estivessimos (sic) em carros dos anos 70″…
    dá pra entender o porquê de tantos acidentes.

    Quer dizer que se os carros ficam cada vez mais potentes podemos ou devemos acelerar mais?
    E a responsabilidade, onde fica?
    E o respeito ao próximo?

    Ora, tenha a santa paciência. Estamos num país que nem estradas tem. Só por esse motivo já deveríamos ter mais consciência.

    Na minha opinião, o governo erra quando instala radares ao invés de investir em melhoria das condições de nossas rodovias. E aí entra nossa parte: cobrar dos responsáveis.

    Quando as estradas forem seguras é que poderemos pensar em aumentar limites de velocidade.

    Abraço.

  • 4 carlos augusto // out 15, 2011 at 1:07 PM

    mais arrecadação pro governo, pena que esse dinheiro não retorna pra nos cidadãos

  • 5 Dunga Lycarião // out 15, 2011 at 12:57 PM

    Uma vergonha o que esta acontecendo .A industria da multa esta proliferando em todo pais, de forma exponencial .O que os cofres públicos estão estão arrecadando com estes malditos radares, tem que ser revisto pelas nossas autoridades
    urgentemente,é uma afronta ao bom censo ,as armadilhas destes radares por todo lado. Uma viagem de varginha para o rio de janeiro que sempre foi cansativa, aumentou no minimo uma hora e meia por conta destas porcarias. Isto sem contar que a quarenta anos atrás quando eramos obrigados a andar a 80 kms por hora, por causa da crise do petróleo já ficávamos de saco cheio, e naquela época, o que mais tinha era fusca. Hoje com toda tecnologia embarcada nos carros ,estamos novamente obrigados a andar em velocidades ridículas, como se ainda estivessimos em carros dos anos 70. Uma vergonha que precisa ser contestada por todos.
    Abraço Madeira.

  • 6 Ailton // out 15, 2011 at 12:25 PM

    ELÓI MENDES
    – Homem com intenção duvidosa subiu na torre da TIM.

    Portal TPOWER >>> Rota Paraguaçu noticias
    http://www.tpower.com.br/rotaparaguacu .

Deixe um Comentário