Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Incêndios às margens da rodovia

agosto 1st, 2011 · 4 Comentários

Durante viagem na noite deste domingo, o blog presenciou três queimadas às margens da rodovia. Na Vital Brasil (entre Cambuquira e o trevo de Lambari), perto de Lambari e, na volta, em Varginha, para baixo do Café Bom Dia. Este último, por sinal, estava perto de uma casa. Durante toda a viagem, havia viaturas dos bombeiros correndo para apagar os incêndios.

Tags: Meio ambiente · Segurança

4 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Edmar Viana de Freitas // ago 17, 2011 at 11:34 PM

    Sabiam que a maioria das queimadas que acontecem nas margens das rodovias são causadas pela FULIGEM INCANDESCENTE que sai dos escapamentos de ônibus e caminhões onde se encontram com o motor desregulado?… Vejam a pesquisa: “ Queimadas no Brasil: Causa real nas rodovias”. Disponível no Google, e no Google acadêmico “Queimadas no Brasil: Causa real nas rodovias do estado da Bahia”.Edmar- Itabira- MG

  • 2 Vera Boechat // ago 3, 2011 at 9:08 AM

    É o resultado da falta de educação e cidadania.

  • 3 Morador Rural // ago 1, 2011 at 6:21 PM

    Corrigindo a frase cacofônica (lá temos aceros … ).

    Foram feitos aceros largos em toda a extensão que nos pertence, à margem da rodovia ….

  • 4 Morador Rural // ago 1, 2011 at 6:17 PM

    Eu presenciei de pertinho esse incêndio aqui em Varginha, e a casa em questão é a minha. Eu acho que um dos principais motivos à margem de rodovias é o péssimo hábito, e por que não dizer, a falta de educação e o desrespeito à natureza, quando os fumantes jogam pelas janelas de seus veículos a famosa bimba de cigarro, acesa, e como o mato às margens da rodovia está extremamente seco nessa época do ano, o incêndio é inevitável. Lá temos um acero em toda extenção da propriedade, mas infelismente as brasas são levadas pelo vento e acabam espalhando o fogo. Hoje de manhã eu percorrí a pé uma área que foi atingida e notei pegadas de animais silvestres, que também infelismente sofrem com tudo isso, sem contar que os caçadores estão sempre nas redondezas, parece que passam fome, pois precisam matar pelo bel prazer de comer uma carninha exótica ou mostrar seus troféus… infelismente é o mundo em que vivemos… É claro que isso tem suas consequências, seja hoje, amanhão ou no futuro próximo, para nós ou para nossos descendentes.
    Felismente minha casa é protegida , mas mesmo assim é perigoso um incêndio nessas proporções. Além de tudo isso, fica o prejuízo das árvores queimadas, solo empobrecido, cercas, mourões, arames, mão de obra, etc… graças à falta de educação, respeito pelo próximo e pela Natureza e por que não dizer, desrespeito à Deus, o Criador de tudo isso. É lamentável…

Deixe um Comentário