Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Crianças com idade entre 1 e 5 anos devem atualizar cartões e vacina contra sarampo

novembro 24th, 2010 · Sem comentários

A Secretaria Municipal de Saúde, através do setor de Vigilância Epidemiológica, informa que todos as crianças com idade de 1 a 5 anos que não estão com o cartão de vacinação em dia, devem regularizá-lo.
A recomendação tem como objetivo aumentar o índice de cobertura vacinal de sarampo no município que encontra-se abaixo da média de 95%, estipulada pelo Ministério da Saúde. Com a proximidade do inicio das férias escolares aumenta-se o risco do alastramento da doença, por isso, o atual período é adequado para a imunização.
“Todas as Unidades Básicas de Saúde (Policlínicas) estão preparadas para a vacinação. Elas atendem de segunda à sexta-feira, das 08h as 16h30. Não é uma campanha de vacinação. Apenas as crianças que não estão com a vacinação em dia devem procurar as policlínicas”, ressaltou a Coordenadora do Programa de Imunização, Maristela Esper.
Entre 2001 e 2010, houve confirmação de 67 casos de sarampo no Brasil, todos relacionados a casos importados de outros países. Desde 2000 o Brasil não registrava casos autóctone de sarampo, ou seja, quando a doença foi causada por vírus que circulava livremente a nível nacional.
O Brasil é o primeiro país das Américas a entregar seu relatório para a certificação de eliminação do sarampo. A solicitação e entrega do documento para a declaração de país livre da doença foi realizada pelo Ministro da Saúde, José Gomes Temporão, durante a 50ª Reunião do Conselho Diretor da OPAS (Organização Pan-Americana de Saúde) em Washington, Estados Unidos, na última semana de setembro.
Até o momento, não foram registrados, pelo Ministério da Saúde, casos autóctones (ocorridos no Brasil), porém é importante que a Vigilância Epidemiológica, através do Programa de Imunização, intensifique as ações e mantenha alerta para evitar a reintrodução do vírus.
Medidas que estão sendo adotadas em Varginha: Alerta para os Serviços de Saúde do município; Investigação, monitoramento e busca ativa de casos que consistem em avaliar como suspeito todo indivíduo que apresentar febre, exantema maculo-papular acompanhado de tosse e/ou coriza e/ou conjuntivite, independente da idade e situação vacinal; Vigilância da doença através da notificação dos casos suspeitos; Encaminhamento de material para Diagnóstico Laboratorial; Estratégias de vacinação adequada; Solicitação para que os pais levem os seus filhos para regularizar o cartão de vacinação. 

LEMBRAMOS QUE: A VACINA É GRATUITA, SEGURA E A ÚNICA CERTEZA DE PROTEÇÃO PARA AS CRIANÇAS QUE TEM O MAIOR RISCO DE MORRER OU DE TER AS FORMAS GRAVES DA DOENÇA.

A DOENÇA
O que é
: O sarampo é uma doença potencialmente grave. É uma doença viral infecto contagiosa que atinge as crianças e adultos, mas nos adultos, é com mais severidade.
Sintomas: febre alta, tosse rouca e persistente, coriza, perda do apetite, conjuntivite e fotofobia (medo da luz), em outra fase surge manchas avermelhadas na mucosa e na pele, primeiro no rosto, depois progride em direção aos pés.
Como se transmite:O contágio acontece através de infecções respiratórias, como as gotículas dos espirros e tosses.
Prevenção: A prevenção é feita por vacina. As pessoas que tomaram duas doses da triviral (caxumba, sarampo, rubéola) ou a dupla viral (sarampo, rubéola) já estão imunizadas. O diagnóstico é clinico, e pode ser feita sorologia.
Nota: A vacina contra o sarampo foi introduzia no Brasil, de acordo com o livro do Ministério da Saúde, “30 anos do Programa Nacional de Imunizações”, no ano de 1967. Antes da introdução da vacina o índice de mortalidade era altíssimo, cerca de 14,7 em cada 100/ mil habitantes. (Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Varginha)

Tags: Saúde

0 Respostas Até Agora ↓

  • Não existe comentário ainda. Deixe o seu comentário preenchendo o formulário abaixo

Deixe um Comentário