Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Bancos em greve

outubro 5th, 2010 · 11 Comentários

As agências bancárias de Varginha substituíram o panfleto “Se não melhorar, vamos parar” pelo “Estamos de greve”. Desde ontem, os bancos da cidade não atendem seus clientes. Funcionam apenas os serviços de compensação e caixas eletrônicos no horário normal. O diretor do sindicato da categoria, Alexandre Paiva informa que os bancários pedem reajuste de 11%, participação nos lucros e resultados de 3 salários (de acordo com a remuneração de cada profissional) e R$ 4 mil para todos. A categoria pede, ainda, isonomia do anuênio (1%, que os novos funcionários não recebem) e licença-prêmio (6 meses a cada 5 anos). O sindicato dos empregados em estabelecimentos bancários de Varginha atende 70 cidades.

Banco do Brasil, na Praça da Fonte, agora pela manhã

Em um primeiro momento, os pedidos podem parecer muito longe da realidade brasileira. Mas, se observarmos que são os chefes dos bancários, trata-se de uma reivindicação mais do que justa. Os banqueiros são a raça que mais lucra no país. Somente no primeiro trimestre de 2010, Itaú/Unibanco, Banco do Brasil, Bradesco, Santander e Caixa lucraram R$ 18,8 bilhões. Apesar dos lucros extraordinários, não se vê a criação de novos postos de emprego. Pelo contrário: os bancos terceirizam o serviço, tirando direitos trabalhistas dos funcionários e ainda mecanizam o atendimento, forçando o cliente a fazer o serviço que deveria ser prestado pela empresa.

Durante os governos FHC e Lula, nunca na história desse país enfiou-se tanto dinheiro em um setor. Apesar de ser contrário à “cartilha” de Fernando Henrique Cardoso, Lula também “socorreu” os banqueiros, em seus dois mandatos. Curiosamente, nem Serra, nem Dilma entraram no assunto, durante os debates. Nem o farão, se houver novos debates. Os bancos são os principais financiadores de campanhas políticas no país.

Tags: Economia · Utilidade pública

11 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Maricota. // out 6, 2010 at 3:30 AM

    ENGRAÇADO O SR, LULA JUNTO COM SUA CANDIDATA BATERAM NA TECLA QUE POS SALÁRIOS ESTAVAM TODOS DENTRO DO EWSP0ERADO. QUE “SE” GANHASSEM AUMENTARIAM!. mAS COMO OS BANCÁRIOS JA EST~ÇAO CANSADOS DE TANTA MENTIRA,APOIO INTEIRAMENTE ESTA GREVE. O SR. LULA TEM QUE PARAR DE TRABALHAR PARA A SRRA DILMA E RETOMARO SEU POSTI DE PRESIDENTE PARA Q

  • 2 Bruno Ribeiro // out 5, 2010 at 9:06 PM

    Não sou contra a greve, não sou contra aumento aos bancários. Eles merecem como merecem também os professores que, não tem moral em nosso país

  • 3 Bruno Ribeiro // out 5, 2010 at 9:05 PM

    Rodrigo isso não é só em Varginha não fio.
    Agora uma coisa é fato. A unica classe que não tem moral no país são os coitados dos professores.

  • 4 MA2 // out 5, 2010 at 8:22 PM

    Desafio ao blogueiro/jornalista: quando um banco foi socorrido pelo governo Lula?

  • 5 Rodrigo // out 5, 2010 at 4:48 PM

    Aposto que esse pessoal ai não está precisando dos bancos que se encontram em greve. Queria ver se estivessem precisando se estariam defendendo os grevistas.

  • 6 Regi // out 5, 2010 at 4:26 PM

    Rodrigo,tenho certeza de que mtos gostariam sim de estar no lugar dos que hj estão em greve,o difícil é continuar lá e ficar estagnado qdo a situação ñ mais atende aos seus interesses.Ñ sou bancária e nem parente de um,mas concordo com a greve.E quem vê pensa que é simples né?”Não está satisfeito,muda de emprego.”Ainda mais aqui em Varginha!!!!Parece piada!

  • 7 Lord Arthas // out 5, 2010 at 3:35 PM

    assino embaixo de tudo que a Maria G.M. escreveu, é lamentável ler a solução de alguns como exemplo, de que uma solução seria ceder lugar para quem queria estar no lugar do grevista, o único instrumento de pressão do trabalhador contra o patrão é a greve, por isso as coisas para os trabalhadores quase nunca melhoram, na hora de se unir é mais facil puxar o tapete do outro.

  • 8 carlos augusto // out 5, 2010 at 2:19 PM

    concordo com a greve, tem que parar mesmo e diminuir os lucros desses banqueiros,

  • 9 Maria G. M. // out 5, 2010 at 1:02 PM

    À quem reclama…
    O estatuto do servidor público ou o contrato dos trabalhadores em economia mista não contém cláusula na qual se abra mão de reajustes ou que se aceite ser explorado.
    A solução tbém não é ceder o lugar para que outros sejam explorados, seja através de concurso ou não.

  • 10 Rodrigo // out 5, 2010 at 11:42 AM

    É uma vergonha o que acontece aqui em Varginha, é sempre assim, mal se fala em greve e a caixa com o banco do Brasil são os primeiros a parar, ontem só os dois estavam fechados, me esqueci, os dois são públicos… Deveriam proibir a greve em certos setores, a meu ver banco e de extrema necessidade, depois quando eles voltam o atendimento e péssimo todos os funcionários mal humorados, deveriam repensar sobre isso se esta tão ruim assim o salário, pq não mudam de categoria, com outros setores da sociedade e assim salário ruim troca-se de emprego, aposto que têm muitos por ai que queria estar La no lugar deles. Pense nisso antes de fazer um concurso publico ou ate mesmo aceitar um emprego em um banco.

  • 11 Davis // out 5, 2010 at 9:51 AM

    Eu não trabalho em banco mas concordo com essa paralização, como foi citado na matéria, os bancos são os que mais lucram no Brasil hj, será que faria tanta falta assim se abrissem mais postos de trabalho e melhorassem a remuneração dos seus profissionais? Afinal de contas quem trabalha em banco de uma forma ou de outra investiu dinheiro nisso, pq se não for pelo menos formado em alguma faculdade, esquece, a não ser que seja concursado em algum dos bancos estatais, que são os que mais precisam de melhora, um exemplo é a Caixa, recentemente fiquei desempregado e fiquei, acreditem ou não, DUAS HORAS pra conseguir dar entrada no FGTS.

Deixe um Comentário