Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Curso de Xadrez – Aula 19 – O Xadrez Rápido

setembro 20th, 2010 · 2 Comentários

Dando continuidade à aula passada,  hoje vamos resumir alguns pontos importantes acerca do xadrez rápido, que pode ser considerado o mais usado nos clubes espalhados pelo mundo, uma vez que não se gasta tanto tempo como na modalidade “pensado” e não é tão acelerado como no “relâmpago”, que veremos na próxima aula.

A partida de ‘Xadrez Rápido’ é aquela onde todos os lances devem ser feitos num limite de tempo predeterminado de pelo menos 15 minutos, mas menos de 60 minutos para cada jogador, ou seja, um torneio com tempo de reflexão de 30 minutos para cada jogador é considerado xadrez rápido, já se tiver 61 minutos de reflexão será considerado “pensado”.

Aqui os jogadores não precisam anotar os lances da partida e quando houver adequada supervisão de jogo, (por exemplo, um árbitro para no máximo três partidas) aplicam-se as Regras da FIDE para Competição.

As Regras do Xadrez Rápido diferenciam um pouco do xadrez pensado, vejamos:

a.Uma vez que cada jogador tenha efetuado três lances, nenhuma reclamação pode ser feita relativamente à colocação incorreta das peças, posicionamento do tabuleiro ou acerto do relógio. No caso de troca de posição de rei e dama não é permitido rocar com este rei.

b.O árbitro deverá intervir (Ato de mover as peças ), somente se for requerido por um ou ambos os jogadores.

c.Um lance ilegal está completo assim que o relógio do oponente for posto em movimento. O oponente tem então o direito de reclamar que o jogador completou um lance ilegal, desde que não tenha feito seu lance. Apenas após tal reclamação é que o árbitro deverá fazer uma intervenção. Entretanto se ambos os reis estão em xeque ou a promoção de um peão não foi completada, o árbitro deverá intervir, se possível.

d.A seta é considerada caída quando for feita uma reclamação válida neste sentido por um dos jogadores. O árbitro deverá abster-se de sinalizar uma queda de seta, mas poderá intervir se ambas as setas caírem.

e.Para reclamar uma vitória por tempo, o requerente deve parar ambos os relógios e avisar o árbitro.

f.Para a reclamação ser bem sucedida, depois que os relógios tiverem sido parados, a seta do reclamante deve estar ‘em pé’, e a de seu oponente caída após os relógios terem sido parados.

g.Se ambas as setas estiverem caídas o árbitro deverá declarar a partida empatada.

Importante lembrar os leitores que estaremos sempre à disposição de qualquer um que tenha dúvida sobre a aula da semana, bastando que envie um email para [email protected] para esclarecimentos do tema abordado.

Em Varginha, o local de encontro dos enxadristas é o Clube Varginhense de Xadrez, que funciona na sede do Varginha Tênis Clube – VTC, abrindo diariamente da 19h às 22h.

Tags: Geral

2 Respostas Até Agora ↓

  • 1 pedro silva // maio 31, 2013 at 7:31 PM

    empate

  • 2 luiz carvalho // set 6, 2012 at 9:02 PM

    OLÁ
    NO XADREZ DE CINCO MINUTOS POR OPONENTE,
    ESTOU COM APENAS O REI NO TABULEIRO, PROXIMO DE TOMAR MATE PORÉM O TEMPO DO MEU ADVERSÁRIO CÁI. QUEM VENCEU A PARTIDA?

Deixe um Comentário