Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Greve em escolas estaduais continua

abril 23rd, 2010 · 41 Comentários

Onze das 14 escolas estaduais de Varginha continuam em greve. Das 11, apenas o conservatório e as escolas Brasil e Mário Esdras funcionam parcialmente. Professores se reuniram na tarde desta quinta-feira (22) no alto da avenida Rio Branco, para mais uma manifestação. Eles pedem piso salarial de R$ 1.204,00. Atualmente, o piso em Minas Gerais é de R$ 935,00. A greve começou no dia 8 de abril.

Tags: Geral

41 Respostas Até Agora ↓

  • 1 joyce // maio 21, 2010 at 3:19 PM

    fazem a maior greve da história 3 meses o que vcs acham num adianta mais, os alunos ja perderam 2 meses de estudos praticamente isso é muito e ninguem vai repor então ficam 3 meses que as escolas irão fechar pq todos os pais esforçados ja mudaram seus filhos de escola e todos os professores em greve ja estão sendo odiados então não faz diferença. Eu só num sei como tantos professores conseguem ficar 2 meses sem receber salario eu sei que é pouco mais vale pra alguma coisinha né.Fazem como acharem melhor eu aluna de uma escola estadual só fico triste pq minha mae naotem dinheiro pra me colocar numa escola de qualidade que é a particular bjs

  • 2 Pedreiro // maio 21, 2010 at 8:44 AM

    Em todas as profissões as pessoas tem que estar motivadas e uma das formas de se motivar é remunera-las de forma correta para que as mesmas possam ter uma condição melhor de sobrevivência , principalmente porque o brasileiro sobrevive em vez de viver . Além do pedido de aumento , os professores também deveriam se preocupar com exigências em relação a sua especialização e condições de trabalho , porque após o aumento , que tomara que saia logo, depois de uns 3 meses as pessoas passarão a gastar proporcionalmente e a insatisfação retornará. Na minha opnião, essa profissão deveria ser uma das mais valorizadas por ser tão importante na formação das pessoas . Tive a oportunidade de estudar em escola pública durante alguns anos e guardo recordações de valiosos mestres e lembro-me de algumas dificuldades que passavam e hoje sei que são muito maiores devido ao rebaixamento da qualidade de educação dada pelos pais , a estrutura das escolas de hoje que dificultam o seu trabalho , inclusive afetando a sua segurança pessoal. As vezes para conseguirmos ser vistos temos que tomar medidas fortes e neste caso vocês merecem muito mais do que estão pedindo .Alguns comentários acima demonstram falta de educação , educação esta que os pais deveriam ensinar e transferiram para as escolas erroniamente , porém também demonstra mais uma dificuldade que vocês tem que passar diariamente . Parabéns pelo trabalho honrado que vocês desempenham acima de todas as dificuldades e espero que vocês sejam atendidos o mais rápido possivel porque tenho certeza que ficar parado durante este período não está agradando os mestres que amam a profissão e principalmente por estar afetando seus alunos .

  • 3 aluno // maio 20, 2010 at 9:22 PM

    vai pqp esses professores
    e quem vai forma esse ano,como que fica?

  • 4 Paula // maio 20, 2010 at 2:02 PM

    cade as aulas cadê???

  • 5 Marreco // maio 20, 2010 at 12:33 PM

    Não Vamos deixar a peteca cair porque a educação tem que subir, sempre……..

  • 6 NORD // maio 20, 2010 at 10:46 AM

    É isso ae Marreco! VALEU!

  • 7 Marreco // maio 19, 2010 at 8:03 PM

    Por uma educação de qualidade e remuneração condinzente com essa educação é que lutamos nessa greve. Amamos os nossos alunos senão, não estaríamos na sala de aula até hoje, tenham a certeza disso. Como diz Nord, nos desculpem por esse pequeno trastorno mas é por uma cusa nobre.

  • 8 fridahe // maio 19, 2010 at 6:40 PM

    É isso ai José João (25)………..você ganha mais que nós professores

  • 9 NORD // maio 19, 2010 at 1:39 PM

    Desculpem, mas me esqueci de uma coisa: nosso objetivo não é, nunca foi, e nunca vai ser o de prejudicar o aluno. Pelo contrário, é juntamente com o aluno que nós crescemos, é pelo aluno que trabalhamos e damos nosso sangue, e é pelo aluno também que estamos nessa luta. Enfim, estamos nessa por uma educação de qualidade. Nossas sinceras desculpas aos nossos alunos, sei que ficar sem aula não é bom, mas é necessário no momento. E podem ficar tranquilos que vocês vão ter todas as suas aulas repostas sem perda nenhuma, mas por enquanto, precisamos ser fortes e abraçar essa causa todos juntos.

  • 10 NORD // maio 19, 2010 at 1:28 PM

    Concordo plenamente com Apollo e com com todos os professores e pessoas que estão a favor da greve, pois também sou professor e estou nessa luta. E mais: estou apoiando total o comando de greve. Precisamos de uma vez por todas acabar com esse salário de fome. Só peço uma coisa meus amigos que postam algum comentário aqui: se você não sabe o que se passa com os professores ou não sabe em qual situação nos encontramos, por favor, poupem seus comentários inúteis! E a todos aqueles que sabem da força que tem um movimento grevista e entendem isso, meus sinceros parabéns!
    E para o marcos: meu amigo vá arrumar o que fazer, em vez de ficar fazendo intrigas baratas! E pra quem nos entende, força amigos pois acho eu que esse movimento está chegando a final. Só espero que a gente consiga o que nós realmente merecemos!

  • 11 Marreco // maio 19, 2010 at 1:06 PM

    Esse Marcos merece mesmo a greve. Pra quem diz “Criam Vergonha na cara” não se pode esperar muito mesmo. Fugiu da escola ou fou educado por algum jumento. É criem seu demente desprovido de cérebro. Havemos de convir que um comentário de uma anta de galochas não pode contar né? Essa toupeira deve ser filho de chocadeira. O Sr. ou Senhora Fu é total em contradição. suas palvras “esses jovens ainda ficarem sem o mínimo que por milagrem ainda tem.” O milagre quem está fazendo por eles são esses professores que vc abomina energúmeno. São comentários sem lógica mesmo. Sou professor graduado e com muito orgulho e não seria feliz em outra profissão. O que queria que eu fosse? Político? KKKKKKKKKKK grande dignidade. A propósito o Fu e o Marcos fazem o que da vida além de zurrar como jumentos?

  • 12 Marreco // maio 19, 2010 at 1:04 PM

    Ao josé joão digo: não queira mesmo porque a sua profissão (servente de pedreiro) tem mais dignidade que um professor. Agora, não diga que seus professores são ruins. Se vc aponta um dedo pra alguem tem 3 apontados pra vc. O q vc faz pra ser melhor na sala de aula? E o sistema? Se estudar passa, se não estudar passa tb…. e vc, alunos acham que estão passando de ano estão aprendendo? Lêdo engano querido. Mas não desista. Estude…ainda é a melhor opção.

  • 13 Marreco // maio 19, 2010 at 12:58 PM

    A frase correta é “Criem Vergonha na cara” seu Marcos. A concordância, que o Sr. deve ter aprendido na escola, é essa.

  • 14 Marreco // maio 19, 2010 at 12:54 PM

    Esse Marcos merece mesmo a greve. Pra quem diz “Criam Vergonha na cara” não se pode esperar muito mesmo. Fugiu da escola ou fou educado por algum jumento. É creim seu demente desprovido de cérebro. Havemos de convir que um comentário de uma anta de galochas não pode contar né? Essa toupeira deve ser filho de chocadeira. O Sr. ou Senhora Fu é total em contradição. suas palvras “esses jovens ainda ficarem sem o mínimo que por milagrem ainda tem.” O milagre quem está fazendo por eles são esses professores que vc abomina energúmeno. São comentários sem lógica mesmo. Sou professor graduado e com muito orgulho e não seria feliz em outra profissão. O que queria que eu fosse? Político? KKKKKKKKKKK grande dignidade. A propósito o Fu e o Marcos fazem o que da vida além de zurrar como jumentos?

  • 15 myrielle // maio 17, 2010 at 7:41 PM

    quanto eu to vendo gente chingando eu e stou eé gostando mais toda bxxxxxx é assim começa e para no meio ou nao termina eu estou amando aiiiiiiiiiiiiiiiiii deklicia

  • 16 zelia // maio 9, 2010 at 8:03 PM

    Boa noite ! Quer queira , quer nao queira a greve continua. Quem esta incomodado com a greve que procure seus direitos. Se nao puder ajudar, nao tente atrapalhar também porque nao vao conseguir.
    O momento de lutar e agora. E quem esta dizendo que professor sabe do salario quando forma pq escolhe esta profissão,preste bastante atenção.
    Ate mesmo alguns engenheirosmedicos etc. quando formam
    antes de conseguir trabalho na sua area começa dentro de uma sala de aula como “PROFESSOR”. Entao nao adianta ficar jogando pedra pq pode ser o proximo.

  • 17 JOSÉ JOÃO // maio 7, 2010 at 12:57 PM

    TENHO 17 ANOS, NÃO TENHO CONDIÇÕES DE PAGAR UMA FACULDADE. PERGUNTO: COMO É O ULTIMO ANO, QUE FAÇO, VOU FICAR SEM BASE APAR A PROVA DO ENEM. OS MEUS PROFESSORES NA MAIORIA , SÃO PÉSSIMOS. ESTÃO PENSANDO SÓ NELES, E OS ALUNOS…. COITADOS DE NÓS, QUE SOMOS POBRES E SEM DINHEIRO, PARA PAGARMOS ESCOLA PARTICULAR. PEÇO AO BOM DEUS QUE ILUMINE OS MESTRES, E NOS AJUDE, PARA QUE TENHAMOS UM POUCO DE BASE. OBS. HOJE COMO SOU SERVENTE DE PEDREIRO, E GANHO 150,00 POR SEMANA, TALVEZ NUNCA EU QUEIRA SER PROFESSOR DO ESTADO.

  • 18 Vera Santos // maio 6, 2010 at 11:41 PM

    Vamos lá professores e servidores! Não se deixem intimidar pelas ameaças do governo, nos vamos ganhar, pois somos fortes, honestos e vencedores!

  • 19 Vera Santos // maio 6, 2010 at 11:39 PM

    Meu DEUS, quanta besteira! Essa gente que não entende nada de educação , mete o bedelho, fala mal dos porfessores, fala um monte de asneiras e acha que está abafando… Ô pessoal, se não quer ajudar, colaborar, vê se não critica, vá arranjar alguma coisa útil pra fazer e deixe os professores lutarem por seus direitos!
    Há, parabéns e obrigada por vocês que estão do nosso lado.

  • 20 juliana // maio 2, 2010 at 5:17 PM

    E os professores que ficam de greve quem vai levar vai ser os alunos que vao perder as ferias por causa deles isso vai ser uma injustiça Espero que terminen logo essa greve por que os alunos ja estao cansados de ficar em casa sem fazer nada e bravos por que vao perder as ferias espero que leia e pense bem o que estao fazendo com os alunos

  • 21 carmem // maio 2, 2010 at 11:51 AM

    Marcos,
    Eu sou professora e não tenho carro nenhum há mais de 8 anos. Estou reformando um fusquinha 72. Aposto que vc ainda vai achar muito.

  • 22 INDIGNAÇÃO // abr 29, 2010 at 1:47 AM

    A GREVE TEM SIM QUE CONTINUAR, POIS O GOVERNO AMEAÇOU OS DESIGNADOS A SEREM DEMITIDOS, ESPERO QUE TODOS SAIBAM SEUS DIREITOS E QUE TODOS QUE ESTÃO NA GREVE, CERTAMENTE ESTÃO AMPARADOS, NÃO SE PREOCUPEM!!!

  • 23 SALÁRIO DE FOME // abr 26, 2010 at 11:14 PM

    Infelizmente também me enquadro nessa situação de educadora ( não por arrependimento quanto à escolha da profissão), mas sim pela triste realidade em que vivemos. Nossa remuneração é praticamente uma esmola. Não pode se dizer que isso seja um salário.Gostaria de ter vivido na época em que ser professor era uma questão de orgulho. Na época em que o professor era um ser extremamente respeitado.Hoje em dia, somos quase que nada. O governo sucateou a educação tão expressivamente a ponto do aluno passar de ano, não importando se assimilou ou não aquilo que foi transmitido durante o ano letivo.Tem nota – passa; não tem nota – passa também. Isso é uma tristeza muito grande.Como nossos governantes não nos ouvem, acho que somente nos resta esperar um milagre.É uma pena que a greve seja nossa maior forma de expressão. Nossa intenção não é prejudicar o aluno.Mas precisamos do mínino de dignidade para continuar nossa missão.

  • 24 MELO // abr 26, 2010 at 2:39 PM

    Para quem nunca fez um faculdade, preocupou em melhorar seus estudos para contribuir com a educação, não sabem do que estão criticando. Coitados, são pessoas alienadas a tudo. É muito fácil dizer que nós educadores estamos chorando de barriga cheia, claro, vcs nunca investiram nem um centavo nos estudos, acham que qualquer cem reais por aí já é mta coisa. Tenho pena dessas pessoas que condenam a greve, afinal não devem ter filhos pra oferecer a eles um educação digna, e se tiverem acham que aprender o minímo já tá bom. Sem contar com aqueles “pais” que querem mandar seus filhos pra escola não para aprenderem algo, mas para deixarem – os à vontade em casa, dormindo, assistindo TV, sei lá o que. Mtos não estão preocupados com o que os filhos estão perdendo, mas sim com o tempo de descanso que eles teem quando seus filhos estão pra escola. Me desculpem, mas nós professores vamos mater a nossa greve sim.

  • 25 Mãe // abr 25, 2010 at 6:49 PM

    Quanta besteira, meu Deus. Só entrei aqui (1 vez na minha vida e última) pq me disseram q o que eu leria era absurdo! Por isto q o país não vai p frente. Pobres educadores que além d não ter a mínima valorização por partes dos governantes ainda tem q aguentar isto td! Parece q o Marcos não trabalha em EDUCAÇÃO

  • 26 professora // abr 25, 2010 at 10:39 AM

    Já estou quase aposentando. Já participei de dezenas de greves e paralizações.Não que gostasse,pois a reposição é penosa (sábados,recessos,férias,final do ano). Para quem não sabe,existe um calendário de reposição , o aluno não fica prejudicado. Mas esta é a única forma de revindicar,pois o governo não nos ouve. As vezes,poucas vezes,conseguimos alguma vitória.Mas o momento é esse. Vamos ter fé e união. Esperamos o apoio da sociedade, pois a “coisa” está feia com esse salário de miséria.

  • 27 Demis // abr 24, 2010 at 2:55 PM

    Com todo respeito aos professores que são merecedores de valorização através de melhores salários e condições de trabalho, fico triste de ver uma “professora” com a colega “geogama” do comentário 10, escrever tão errado assim. Isso desmoraliza a categoria e deixa o povo em dúvidas sobre a capacidade dos professores. Sei que isso é exceção, mas deveria cosultar um dicionário antes de escrever tão errado, sendo assim prejudica os colegas.

  • 28 Grevista // abr 24, 2010 at 10:08 AM

    Marcos, vá se informar ao invés de falar asneiras. Ninguem tem culpa de ser ignorante mas burrice é uma escolha.

  • 29 Grevista // abr 24, 2010 at 10:07 AM

    A GREVE CONTINUA. OS ESTADO DE MINAS ESTÁ EM GREVE. QUANTO AOS ALUNOS, SINTO MUITO, QUEM É PROFESSOR SABE DA PREOCUPAÇÃO DA MAIORIA CONOSCO.

  • 30 retrucando // abr 24, 2010 at 8:56 AM

    Bando de Bobo. O Governador ficou dois mandatos e so no final quando entrega o cargo é que todos fazem greve??? Estao todos sendo manipulados e ainda acham bom? Coitados destes alunos, ainda bem que me formei ha tempos.

  • 31 geogama // abr 24, 2010 at 1:17 AM

    Apoio totalmente a manifestação de greve dos professores. Se a situação dele é de penúria, imagine o pessoal de serviços gerais. Tenho observado também nos comentários que alguns estão preocupado só com os alunos será que estes comentaristas já foram em alguma escola estadual de MG. Lá eles encontraram um muquifo mais parecido com chiqueiro Aécio-Anastasia sucatearão a escola pública estadual com objetivo de forçar a população que pode a se matricular em rede particular de ensino.
    Hoje o professor da rede estadual de Minas Gerais é o material mais barato da escola.
    O piso de professor é hoje 500 reais e não 936 reais com esta escrito neste site.

  • 32 Apollo // abr 23, 2010 at 10:58 PM

    Este é um espaço democrático, e como tal, todos podem, sem exceção, emitir suas opiniões. Mas convenhamos, a maioria dos que hoje emitem opinião neste ou em outros blogs são alienados e desprovidos do mínimo necessário para se emitir, com decência, opinião acerca de fatos relevantes como “o direito à uma educação de qualidade”, por exemplo.
    Quando essas pessoas encontram um espaço para expor o que pensam, a diarreia oral a que ficamos submetidos é certa e cruel. Entretanto, nem tudo está perdido! Isso é apenas mais um sintomas de falta de educação, principalmente daquela que se aprende na ESCOLA. A sorte dessas pessoas é que ainda há tempo e escolas esperando por elas. E lá encontrarão professores disponíveis a transformá-las em cidadãs e, oxalá, aprendam, na prática, o verdadeiro significado das palavras CIDADÃO / CIDADÃ / PROFESSOR.
    Por enquanto continuaremos a ver e a ouvir esses infelizes comentários sobre professor e educação. Isso é normal em um país em que a maioria é analfabeta, desinformada, ignorante e DESPOLITIZADA, principalmente.
    E para concluir, vou preferir, a partir de hoje, a não mais acessar esse blog, pois o que circula aqui, em termos de opinião, salvo raríssimas exceções, não acrescenta nada, não educa, não forma, não informa, não diverte, não… não…
    Sendo assim, imprestável se torna. Desculpem-me, sou um professor.

  • 33 jorge marçal // abr 23, 2010 at 10:22 PM

    Puxa vida, ter que ler uma coisa dessa desse FU, desse MARCOS… é um fu… mesmo!! Como é que tem gente assim, que pensa assim?? no século 21?? Tá bom, todos deveriam ter escolhido outra profissão, seu energúmeno… e quem iria cuidar dos alunos se TODOS dessem ouvidos a GENTE como você?? Ô!!!

  • 34 FU // abr 23, 2010 at 8:26 PM

    Todos nós sabemos muito bem que os professores são mal remunerados e isto esta bem longe de mudar, agora se quando jovens acadêmicos porque não escolheram outra profissão ao invés de professores? O ensino público já é deploravel demais pra esses jovens ainda ficarem sem o mínimo que por milagrem ainda tem.

  • 35 aandorinha // abr 23, 2010 at 6:31 PM

    Esse marcos tem que ser internado.Um demente!!!

  • 36 Ana Fátima // abr 23, 2010 at 4:08 PM

    O piso não é de R$ 935,00. O teto é, até o momento, de R$850,00. Os vencimentos básicos para os funcionários da educação são R$363,00 e R$500,00; para profissional com ensino médio e superior, respectivamente.

  • 37 Roselene // abr 23, 2010 at 3:51 PM

    É uma pena que pra se conseguir salário digno seja necessário esse tipo de manifestação. Os alunos não deveriam ser prejudicados. A educação é a base da vida. Mas, os professores também não podem continuar com esse salário ridículo. Então, o que fazer se os governantes fingem não ver a situação?

  • 38 Joao Silva // abr 23, 2010 at 1:46 PM

    Não sei o que é pior, ser professor na rede estadual e receber uma miséria ou entrar aqui no blog do Madeira e encontrar pessoas com comentários que beiram o absurdo

  • 39 Lord Arthas // abr 23, 2010 at 1:13 PM

    vão reclamar dos dias que os alunos não tiveram aula com quem realmente tem culpa nessa história, que é o governador de minas, não os professores que são tão desrespeitados com um salário tão baixo uns dos piores dentre os estados e não entendo como tem gente que ainda aparece e acha que ta bem pago um professor que pelo piso acima citado na reportagem ganha menos que 2 salários mínimos, só podem ser pessoas alienadas pelas inúmeras propagandas vinculadas pelo governo de minas no horário nobre de todas emissoras da tv aberta, e arrisco a dizer que este seja o principal motivo da suposta falta de dinheiro para a secretaria de educação

  • 40 MORENA // abr 23, 2010 at 12:53 PM

    Acho isso um absurdo, pq depois quem vai pagar os dias q não tiveram aula até quase o natal são os alunos, que no final das contas não ganham nada com isso…….Educadores???!!!!!!
    Acho q ate merecem sim aumento, mas alunos não devem sair prejudicados…pensem q eles são o futuro, e vcs estão deixando de educar pra corromper…….

  • 41 marcos // abr 23, 2010 at 12:28 PM

    Que vergonha hem !! Senhores educadores. Que belo exemplo aos alunos.
    Vcs reclamam mas estão todos de barriga cheia e de carros novos. Criam vergonha na cara!!!!!

Deixe um Comentário