Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Bretas no centro

dezembro 31st, 2008 · 20 Comentários

A empresa Irmãos Bretas adquiriu a área atrás do Colégio Marista por R$ 4 milhões. A área tem aproximadamente 7 mil m². Legislação municipal determina que a venda de áreas nesse tamanho é condicionada à doação de 10% da área para o Município. A prefeitura recebeu e já vendeu terreno de aproximadamente 670 m² para o Marista por R$ 400 mil. Que, por sua vez, repassará a área para o Bretas. O pagamento pode ser feito (pelo Bretas ao Marista) através da prestação de serviços, bens ou dinheiro.

Tags: Economia · Política

20 Respostas Até Agora ↓

  • 1 russo ribeiro // set 20, 2010 at 1:00 AM

    dinheiro e deles eles fazem o que quiser da maneira que quiser eu quero e ganhar o meu do meu jeito pra poder um dia tambem poder gastar do meu jeito,

  • 2 Pedreiro // abr 28, 2009 at 10:52 AM

    Zé ,
    Me desculpe , mas para que haja desenvolvimento as vezes há necessidade de um pequeno sacrifício . Depois a empresa pode fazer alguma ação ambiental , como adotar uma praça ou plantar árvores . Mas vamos deixar a nossa cidade desenvolver ! Já não basta a avenida que sai da Faceca até o Santa Luiza ter sido paralizada por assuntos ambientais tanto tempo , tá certo que agora o motivo é outro , mas aconteceu . Não estou defendendo a derrubada de árvores , mas vejo que será muito bom para a cidade este empreendimento . Não sejamos falsos moralistas ambientais !

  • 3 MARIA G. M. // abr 28, 2009 at 1:03 AM

    Zé, incrível como só alguns veem o que todos podem ver. Tanta irregularidade, talvez ilegalidade…
    Mas compreendo que é difícil ver quando se mira o próprio umbigo.
    Há um texto da Marina Colassanti que retrata bem essa alienação conveniente:…”a gente não devia, mas…” continuamos a aceitar como “normais” coisas que poderíamos evitar.
    Aqui fica um protesto por todos aqueles que votaram e esperavam uma palavra qualquer dos eleitos e órgãos competentes. Será que também os senhores estão cegos?
    Aqui gritamos!!! Será que os senhores estão também surdos?!!!

  • 4 // abr 27, 2009 at 5:38 PM

    ALGUÉM JÁ NOTOU QUE ESTÁ HAVENDO DERRUBADA DE ÁRVORES NO LOCAL DO NOVO SUPERMERCADO?, ELES TEM AUTORIZAÇÃO PARA TAL? ALGUEM PODERIA NOS AJUDAR?

  • 5 Inacreditavel // jan 5, 2009 at 6:17 PM

    rD. cinprisio laga de cer conpricado,ate agola, vance tava bão, mas neça pissou mo tumate.

  • 6 Dr. Simplício // jan 5, 2009 at 3:34 PM

    Muito acertado os comentários do Peso Pesado e da Maria G. M., dentre outros…
    Vamos ficar mais atentos… pois “alguns” estão ajudando a fazer especulação imobiliária, o que é ilegal e imoral para com o nosso povo…
    Que tal encaminharmos a matéria a quem de direito?

  • 7 Peso Pesado // jan 3, 2009 at 6:25 PM

    Obrigado mais uma vez Maria G.M.pelos seus elogios, sou apenas um visionário atento as coisas da cidade. Temos que tentar sermos sérios,porém com uma pitada de bom humor e porque não citar sempre as letras de músicas que estavam a frente do nosso tempo.
    Cazuza também era gênio, ele dizia: NÃO ME CONVIDARAM PRA ESSA FESTA ….QUE OS HOMENS ARMARAM PRÁ ME CONVENCER.
    NÃO ME ELEGERAM CHEFE DE NADA.
    O MEU CARTÃO DE CRÉDITO É UMA….

    ABRAÇOS M.G., vou continuara em 2009 a tocar o dedo na ferida, se de todos como você lerem e 10% entenderem , já dom-me por satisfeito, a verolução é feita assim mesmo, com a minoria pensante.

    rssssssss

  • 8 Thiago Rodrigues // jan 3, 2009 at 8:35 AM

    Dentre eles temos médicos, advogados e contadores. São magistrados

  • 9 Juca pitanga // jan 2, 2009 at 3:14 PM

    Antônio Adilson, esse conhece e fala o que pensa, valeu!!!
    O negocio é ficar de olho nos “inuteis”.

  • 10 Maria G. M. // jan 2, 2009 at 6:59 AM

    Embora o comentário do Antônio Adilson traga um embasamento legal (adoro quando isso acontece!), prossigo em meu questionamento não em bases atuais(pois, mesmo provada ou não a ilegalidade dos atos, fica claro que para tudo se dá um “jeitinho”), mas no teor da aquisição\doação do terreno pelos \ para os religiosos.
    Se houve doação (quem poderia respondê-lo são os nossos historiadores de plantão), certamente o caráter da mesma visava a utilização da área para fins educativos e não , depois de anos, especulação imobiliária.
    Se a comissão responsável na câmara não verificou esse aspecto e, verificando-o , assim mesmo considerou legal a transação, fico com o comentário do Peso ” a nossa pátria mãe “tão” distraída.

  • 11 É Pacabá // jan 1, 2009 at 7:02 PM

    Antonio Adilson, parabéns pelo comentário.

  • 12 Peso Pesado // jan 1, 2009 at 6:31 PM

    Já que é para virar mercado ,bem que podia ser o Extra, o Carrefour ,o Pão de Açucar ou alguma rede francesa.
    Mas ainda acho que perderam uma grande oportunidade de fazer um negócio que aquela área merece,notadamente no quesito ambiental.
    Porém na nossa cidade há uma carência enorme de pessoas inteligentes que conhecem novos tipos de transações que a globalização e os novos tempos proporcionam.
    Varginha vem andando para trás há muito tempo, justamente por não darem oportunidade para os detentores de conhecimento e sabedoria.
    Vamos sentir impactos com o passar dos anos, aí é tarde , por ora o melhor é colocar as barbas de molho.

  • 13 Antonio Adilson // jan 1, 2009 at 5:47 PM

    Madeira, o cara é vc. Ao abrir este espaço para que a população possa dar sua opinião, está ajudando a tornar a mídia mais popular e democrática. Continue assim e um feliz 2009.

  • 14 Cont(ato) // jan 1, 2009 at 1:14 PM

    Antonio Adilson, esse é o cara. Bom começo de ano.

  • 15 Afonso Henrique // dez 31, 2008 at 8:16 PM

    Não queria, mas começo a concordar com o Antonio Adilson: são homens e mulheres inúteis mesmo. Sinceros votos que a nova câmara nos desminta a partir de agora…

  • 16 Peso Pesado // dez 31, 2008 at 7:44 PM

    É Antonio Adilson. A gente que pensava que só o povo mais simples assina as coisa sem ler heim!

  • 17 Antonio Adilson // dez 31, 2008 at 4:29 PM

    Essa lei que obriga a doação de parte da área para a Prefeitura é inconstitucional, imoral e uma afronta à Lei Federal 6766, que regula o uso e ocupação do solo urbano. O direito do município de receber áreas (com destinação específica, p. ex. uso institucional ou verde) somente existe quando o imóvel é loteado. Uma área já loteada, por exemplo a do Maristas, mesmo que não tenha doado nada à época, porque é anterior a 1979 (ano da Lei 6766) não pode ser obrigada a doar parte do seu imóvel quando da venda. Isto tem nome: EXTORSÃO. E o que é pior, feita através de lei aprovada por esses homens e mulheres inúteis que ocupam a Câmara de Vereadores.

  • 18 Peso Pesado // dez 31, 2008 at 2:33 PM

    Que transação mais estranha, como diria Chico Buarque de Holanda. A nossa pátria mãe tão distraida em tenebrosas transações.
    No passado os gloriosos Irmãos Maristas tinham excelentes professores de matemática, incluido aí matemática financeira, tinham aulas dos inventores da liberdade democrática- lingua francesa,etc,etc.

    Mas vamos ao absurdo que vemos:

    Se a área é de 7000 e foi vendida por 4milhões, dá R$571,00 por metro.
    Se pagou R$400.000 por uma área de 670M2 ,deveria dar R$382.570.
    Assim vendeu e comprou com um prejuizo de R$17.430,00.
    Vendeu por R$571 o metro e comprou por R$597,00.
    Alguém saberia explicar isso?

  • 19 Maria G. M. // dez 31, 2008 at 12:33 PM

    Agora tudo pode!
    “So nao vale dançar homem com home, nem mulher com mulher… Ou pode? Pode!”

  • 20 Maria G. M. // dez 31, 2008 at 12:32 PM

    Ou seja, pra tudo tem jeitinho!
    Srs vereadores! Guardiaes das verbas e interesses publicos, cade voces?

Deixe um Comentário