Blog do Madeira - Notícias de Varginha - MG

Notícias diárias de Varginha e Sul de Minas – [email protected]

Crise

novembro 6th, 2008 · 7 Comentários

O número de demitidos na Cooper Standard gira em torno de 200. As rescisões feitas no Sindicato da categoria somam 74 demissões. Os outros são colaboradores com menos de um ano de casa, como é a política da empresa (priorizar funcionários com mais tempo de casa). A diretoria da Cooper informou que a medida obedeceu ao mercado. O faturamento da planta de Varginha caiu 50%. Além de priorizar quem tem mais tempo de casa, a empresa implantou férias coletivas para evitar novas demissões. A empresa espera recontratar esses trabalhadores assim que o mercado aquecer. Provavelmente em março.

Tags: Economia

7 Respostas Até Agora ↓

  • 1 Pedreiro // nov 10, 2008 at 9:18 AM

    Sindicato ? Nós trabalhadores estamos a pé de sindicato , principalmente o dos metalúrgicos que está ligado as principais empresas de nossa cidade . Sindicato que cobra 3,5% sobre a negociação da data base dos trabalhadores , fora a taxa anual descontada no inicio de cada ano de 01 dia de serviço . Me diz alguma coisa que o sindicato oferece para os trabalhadores nos dias de hoje ? Antigamente no sindicato dos metalúrgicos tinha , serviço médico , odontológico , barbeiro , clube no alto do Corcetti , etc…. E hoje oferece o que para o trabalhador ? Só taxas e contas ! Porque algumas empresas saem de SP e vem para MG , simplesmente porque o sindicato é fraco ou inexistente , por isso as empresas é que dizem o que o sindicato deve aceitar e não o contrário . Não existe sindicato sério em Varginha !

  • 2 andorinha // nov 9, 2008 at 2:56 PM

    Lula sempre afirmou que a crise não atingiria o Brasil.Que o sistema financeiro estava fortalecido.Que as reservas cambiais nunca estiveram tão robustas.Um pais que será em pouquissimo tempo,independente na exploração petrolífera.Recordes na produção de grãos,e por ai afora.O discurso agora é outro.Que estamos vivendo uma críse.É só vir a Varginha e conferir.Demissões nas indústrias de forma geral.É muita sorte do corujinha que isto esteja acontecendo após as eleições.Se fosse antes,a crise seria no PT.

  • 3 ROGER // nov 8, 2008 at 11:20 AM

    E fora os cortes que já está tendo na prefeitura, mandando os coitados dos funcionários tercerizados embora, não aumentou o funcionario em 5,5%, que diga de passagem é lei, e ai eu pergunto e os bam bam bam dos cargos de confiança vão continuar continuar?QUEM VOTA VARGINHA, VIGIA O CORUJINHA./MTT/GEISA………..

  • 4 juca pitanga // nov 7, 2008 at 4:49 PM

    Miro, o que está acontecendo segundo você, é um ” CAOS” . sobre a sua opinião sobre os sindicalistas eu assino em baixo, tente disputar a a presidencia de um sindicato , criando uma chapa de oposição ai você verá o poder da máfia que domina quase todos eles.

  • 5 Peso Leve // nov 7, 2008 at 4:47 PM

    Miro, CESAR CALS , foi governador de um estado nordestino durante o governo militar. O que está acontecendo segundo você, é um ” CAOS” . sobre a sua opinião sobre os sindicalistas eu assino em baixo, tente disputar a a presidencia de um sindicato , criando uma chapa de oposição ai você verá o poder da máfia que domina quase todos eles.

  • 6 Miro // nov 7, 2008 at 1:13 PM

    Peso Pesado meu querído, os defensores de outrora só aparecem em época de eleição e depois deixam os coitados a Deus dará e sindicalista agora é posição e não precisam brigar com mais ninguém e por niguém… Varginha está igual na época em que a CBC foi embora: O CALS……… e parando no tempo!!!

  • 7 Peso Pesado // nov 6, 2008 at 8:09 AM

    Tenho pena dos demitidos que na ponta da linha são os que mais sofrem ,justamente em plena época de Natal.
    Em outros tempos, os sindicalistas iam direto a Matriz das Firmas negociar meios de se amenizar demissões.
    Onde estão os outrora defensores dos trabalhadores?

Deixe um Comentário