Prefeito de Elói Mendes tem mandato cassado, mas continua no cargo

  

wiliam cadorini_elói_mendes_2013Atualizado às 14h, 19/4/23017: O TRE informou que ao BlogdoMadeira que “O julgamento da Ação de Investigação Judicial Eleitoral 24389, envolvendo o prefeito de Elói Mendes, ainda não se encerrou no TRE: houve pedido de vista do juiz Antônio Augusto Fonte Boa. O julgamento continua no dia 25/4”. Mas, conforme o próprio prefeito Wiliam Cadorini informou ao blog, pela votação, não há como reverter a decisão nesta instância. Agora resta terminar o julgamento no TRE, em BH e apresentar o recurso no TSE, em Brasília.

O Tribunal Regional Eleitoral cassou o mandato do prefeito de Elói Mendes, Wiliam Cadorini, em julgamento nessa terça-feira (18/4). Ele é acusado de promover shows gratuitos no período da campanha eleitoral do ano passado. No caso, os shows da Expoem, exposição realizada há 12 anos em Elói Mendes. Também é acusado de usar o número 12 na decoração da festa. Wiliam diz que o número se referia ao período em que a Expoem é realizada. A chapa adversária, que também disputou a Prefeitura de Elói Mendes, afirmou ser propaganda política (12 é o número da coligação de Wiliam Cadorini).

O prefeito continua no cargo, até o julgamento de recurso.

Wiliam disse que apresenta o recurso nos próximos dias e, então, o processo “sobe” para Brasília: “Ganhamos em primeira instância, na justiça eleitoral de Elói Mendes. O processo foi para Belo Horizonte, onde perdemos. Então o jogo estava um a zero. Agora, está 1 a 1. Vamos entrar com recurso e, enquanto isso, aguardamos no cargo”.

O ex-prefeito de Elói Mendes, Natal Cadorini, também consta no processo. Ele é acusado de suposta irregularidade por divulgar imagens da Expoem na campanha eleitoral do ano passado, quando disputou o cargo de prefeito de Varginha. Se for condenado, terá os direitos políticos suspensos por oito anos.

LIMIAR BIKE CAFE

Marcus Madeira

Advogado e jornalista, escreve diariamente a Coluna do Madeira desde 1999. Editor do Jornal Folha de Varginha. Integra a diretoria voluntária da Abraço (Associação Brasileira Comunitária de Prevenção ao Abuso de Drogas) de Varginha. É sócio-representante da Agência de Notícias Argumento, no Sul de Minas. Cruzeirense.

3 comentários em “Prefeito de Elói Mendes tem mandato cassado, mas continua no cargo

  • 19 de abril de 2017 em 3:54 PM
    Permalink

    Todo mundo sabe da tranbicagem que existe na mutuca, tem muito mais sujeira debaixo do tapete.

  • 19 de abril de 2017 em 2:26 PM
    Permalink

    Politicagem pura. Querem tirar o Wiliam porque ele é sobrinho do Natal

  • 19 de abril de 2017 em 11:01 AM
    Permalink

    Esse prefeito ad foto é o Hebert, marido da Camila aqui de Varginha. Não é possível, são idênticos!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display