PM apreende armas de fogo após denúncia sobre tortura

  

Após ser informada que um jovem de apelido “Tetê” estaria sendo mantido em uma residência no Bairro Carvalhos, sob tortura, por um indivíduo conhecido como “BH”, a PM dirigiu-se até o local da denúncia no intuito de localizar o possível cativeiro.

No momento em que as guarnições deslocavam, depararam com duas motocicletas, cada uma ocupada por duas pessoas, saindo da principal via de acesso do bairro Carvalhos. Os passageiros dos veículos tentaram esconder os rostos, e devido a suspeita as motocicletas foram abordadas. Os passageiros foram identificados, como a suposta vítima, “Tetê”, de 18 anos, e o possível autor, “BH”, de 24 anos. “Tetê” confirmou aos policiais as informações da denúncia e que “BH” teria o agredido com uma arma de fogo. A PM deslocou até o local do cárcere, na Rua Sebastiana Rodrigues Rocha, onde após buscas localizou três revólveres, de calibres .22 e .38. O suspeito assumiu ter agredido a vítima, porém alegou que não havia realizado sequestro, pois a vítima estaria ali por vontade própria.

Ressalta-se que tanto o autor como a vítima possuem várias passagens pela Polícia, por crimes como desacato, desobediência, furto, porte ilegal de arma de fogo, lesão corporal, roubo, tráfico e uso de drogas. Diante dos fatos “BH” foi preso em flagrante e ao final foi encaminhado à Delegacia de Plantão, onde o flagrante foi ratificado. (Com informações da Assessoria de Comunicação do 24º BPM e vídeo da TV Alterosa)

abraco-varginha-2016

Um comentário em “PM apreende armas de fogo após denúncia sobre tortura

  • 19 de abril de 2017 em 11:27 AM
    Permalink

    Dificil entender como um marginal com tantas passagens continua livre para cometer mais crimes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *