Novo acidente na “Curva da Morte”: homem morre

  

Três dias depois de um caminhão carregado de café tombar na “Curva da Morte”, novo acidente aconteceu no mesmo lugar, na saída de Varginha para Três Pontas. Foi na madrugada deste domingo. Um homem de 31 anos morreu na hora depois que o carro que ele dirigia, um Ford Fusion com placas de Lavras, bater de frente em um ônibus da Viação Correia, de Três Pontas. O ônibus vinha para Varginha. O motorista do ônibus disse que o carro estava na contra-mão, fazendo uma ultrapassagem. Havia um passageiro no Ford. Ele sofreu lesões leves nos braços e disse não se lembrar do que causou o acidente. O motorista do veículo, Celso Henrique Luz Diniz, ficou preso às ferragens e morreu no local. O Corpo de Bombeiros encaminhou o passageiro ferido ao Hospital Humanitas. Ninguém do ônibus se feriu.

Marcus Madeira

Advogado e jornalista, escreve diariamente a Coluna do Madeira desde 1999. Editor do Jornal Folha de Varginha. Integra a diretoria voluntária da Abraço (Associação Brasileira Comunitária de Prevenção ao Abuso de Drogas) de Varginha. É sócio-representante da Agência de Notícias Argumento, no Sul de Minas. Cruzeirense.

15 comentários em “Novo acidente na “Curva da Morte”: homem morre

  • 24 de janeiro de 2011 em 7:51 AM
    Permalink

    gostaria de dar pessares para familiares eu nao entendo as maldades do povo que so sabem falar dos outros e nao cuidam de suas proprias vidas.

  • 28 de agosto de 2010 em 1:48 PM
    Permalink

    Fiquei muito triste com a partida do Celsinho,nao esperava isso,mais também nao esperava que meu pai fosse morrer em uma cirurgia de coraçao,ninguem sabe do futuro e ninguem pode preve nada,sempre que encontrava o celsinho na rua e muitas vezes no banco real em Lavras ele sempre vinha me falar um oi,me perguntar e ai beleza? Agora dizer que ele estava errado é muito fácil,difícil é enchegar quem ele foi e sempre vai ser…

  • 22 de agosto de 2010 em 10:30 PM
    Permalink

    Gostaria de agradecer as palavras de apoio de todos e dizer que Celsinho, alem de ser um irmao querido e adorado, e o melhor motorista que conheco. Era com ele que contavamos para qualquer emergencia da familia, dos amigos e ate desconhecidos. A generosidade dele era conhecida por todos nos. Vamos rezar para ele e para os responsaveis pela engenharia de estradas para que facam da Curva da Morte, apenas uma curva…

  • 19 de agosto de 2010 em 10:55 PM
    Permalink

    Gostaria muito de agradecer a todos vcs que tem mostrado solidariedade a nossa familia nesse momento tao dificil, e os que nao tem sentimento, a gente ignora, pq pessoas desse tipo, devem ser isoladas do mundo.

  • 19 de agosto de 2010 em 9:02 AM
    Permalink

    Um Absurdo! Não podem descrever os fatos sem evidências claras do ocorrido. Não se sabe quem causou o acidente, no entanto, não se deve publicar o que se pensa! Respeitem a família do Celso, eles estão passando por um momento difícil.

  • 18 de agosto de 2010 em 3:35 PM
    Permalink

    Brasileiro gosta mesmo de julgar sem nem mesmo ter ideia do que aconteceu. Lavras Perdeu um Grande Homem, Um Exelente Empresario, Tratava Muito Bem Seus Clientes, Dai tenho Ideia de como Ele Tratava a Familia, Esposa e Filhos. Uma Perda Inrreparavel a Nossa Sociedade.
    Pesso a Deus Todos os Dias Que Ilumine a Vida De Seus Familiares, Esposa e Filhos Para Que Superem Essa Perda. Meus Pezames a Familia Diniz

  • 18 de agosto de 2010 em 8:28 AM
    Permalink

    O Amir meu filho, deixa eu te explicar uma coisa, fatalidades acontecem! Meu Deus, que crueldade é essa? Vc precisa parar e pensar antes de ficar digitando bobagens… Respeite a família do Celso! A responsabilidade de apontar culpados é da perícia, e não sua… Eu conheço o Celsinho desde de criança, me dói ver uma pessoa se referir a um amigo de uma forma tão desrespeitosa…

  • 18 de agosto de 2010 em 7:05 AM
    Permalink

    Gostaria que essas pessoas que estão criticando o acidente que matou meu marido, se colocassem em minha pele e tentassem sentir o que eu estou sentindo, passando pela dor de perder uma pessoa muito querida e vendo os nossos filhos sofrerem. É muito fácil falar que ele estava errado,ele nao está aqui para se defender. No local havia segunda faixa,entao porque ele teria invadido a contramao? Alguem pode me garantir que o onibus estava totalmente correto? Eu sei que quem o conhecia vai sempre se lembrar dele como uma pessoa muito ESPECIAL, um excelente pai, uma pessoa que amava a familia, os amigos e os “carros”.
    Pensem!!!! vcs tambem tem familiares,e isso pode acontecer com qualquer um a qualquer momento.

  • 17 de agosto de 2010 em 11:56 PM
    Permalink

    Imprudências à parte, é bom raciocinar um pouco: porque os acidentes acontecem nesta curva?
    Seria uma predestinação, seria porque quando passam por lá os motoristas ficam navalhas, seria falta de sorte, seria mau agouro?
    Curvas existem em todas as estrada. O problema é quando são (muito) mal feitas.
    Não é imprudência, a curva pega quem não a conhece de surpresa.
    Verifiquem a sinalização existente. Eu passo por lá há quase 50 anos.
    Quantas vidas mais serão necessárias para nossas autoridades acreditarem nisso?

  • 17 de agosto de 2010 em 9:03 PM
    Permalink

    Gente, por favor, vamos respeitar a dor de nós da familia,se vcs nao tem uma palavra de consolo para deixar , entao nao diga nada. É muito fácil falar que ele estava errado, porque ele está morto e nao está aqui para se defender.
    Saiba que ele era um excelente marido e o melhor pai do mundo. Eu sei que as pessoas que o conheciam vao se lembrar dele como uma pessoa muito especial.

  • 16 de agosto de 2010 em 8:02 PM
    Permalink

    sou de luminárias cidade,natal dele,muito triste pra nós que conhecemos ele e sua família..
    .

  • 16 de agosto de 2010 em 6:45 PM
    Permalink

    O Celsinho, era muito querido pra mim, é muito triste ver alguém especial ir embora tão cedo.

  • 16 de agosto de 2010 em 3:52 PM
    Permalink

    Realmente esta estrada é muito perigosa mesmo, eu acho que os motoristas tem que concientizar, e respeitar os limites da velocidade.

  • 16 de agosto de 2010 em 2:15 PM
    Permalink

    Estive no local onde ocorreu o acidente e existem 2 faixas para subir, certeza que algo aconteceu para que o Celsinho invadisse a outra faixa, pois quem o conheceu sabe que ele dirigia muito bem.

  • 16 de agosto de 2010 em 12:18 PM
    Permalink

    estive com o celso as 15 horas em lavras.
    fiquei chocado com a noticia de sua morte.
    infelismente tudo leva a crer que o culpado foi ele mesmo. muito triste

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Banner to display